15 de julho de 2024
- Publicidade -
Educador em Ação

Para professora campeã, escola deve incentivar encontros

Um dos principais sentimentos de Lea Veras é acreditar que as práticas em sala de aula são fundamentais para construção de uma sociedade coesa

Se alguém perguntar, à professora campeã do Educador em Ação 2023, qual foi a maior inspiração para que ela criasse o projeto vencedor, “Sentimentos e meu lugar no mundo”, talvez não receba uma resposta rápida. Provavelmente, Lea Veras vai aproveitar a chance para dar uma aula sobre como as escolas não devem ser um mundo à parte, mas conectada com o dia a dia de gestores, professores, crianças e famílias. Um grande ponto de encontro, em que se possa compartilhar sonhos, dificuldades e soluções de forma coesa, harmônica.

Aliás, foi o diálogo com esses aspectos que ela acredita ter sido um dos principais motivos para ter conquistado o título. O que ela passa aos alunos, por exemplo, é uma preocupação que está presente dentro da própria casa, com as filhas, Bianca, de seis anos, e Lila, de três. Lea conta que o maior desejo de uma mãe professora é que as meninas possam desenvolver educação socioemocional, que permita cuidar da saúde mental e das relações com o mundo. “E que, naquilo que elas não consigam, eu possa estar presente”.

Nada diferente da proposta de “Sentimentos e meu lugar no mundo”. A prática em sala de aula permitiu a Lea perceber crianças com comportamentos agressivos ou que se mostravam muito tristes. A necessidade de intervir no problema juntou, novamente, interações que ela valoriza no dia a dia. Aliando conhecimento de leitura, teatro infantil, dois dos hábitos que dão prazer, bem como um olhar atento para as necessidades dos alunos, a professora escreveu um projeto pelo qual diversas realidades vividas por eles pudessem ser discutidas e vivenciadas a partir de uma nova perspectiva (clique aqui e saiba mais).
 

Participando de curso de formação: para Lea, uma das condições para entregar qualidade como professora é não parar de se atualizar
Participando de curso de formação: para Lea, uma das condições para entregar qualidade como professora é não parar de se atualizar

Representatividade
O resultado não poderia ser outro. Ganhar o Educador em Ação 2023 trouxe uma sensação de dever cumprido. “De me sentir representando todas as minhas colegas e meus colegas de profissão, uma classe que coloca seu coração, seu dinheiro, seu conhecimento em prol das crianças e de educação em que a qualidade seja cada vez melhor”.

O concurso renova um próprio sentimento dela: o de acreditar. “O Educador em Ação é uma excelente iniciativa para incentivar as pessoas que estão na educação a continuar trabalhando duro, acreditando naquilo que estão desenvolvendo em sala. É a possibilidade, também, de um reconhecimento externo, da sociedade, para o que a gente está fazendo. Isso traz um novo gás”.

A possibilidade de conhecer as ideias colocadas em prática em outras escolas é outro motivo de alegria. Que, por sua vez, se conecta a um dos maiores sonhos de Lea: que a escola seja um lugar de partilha, para que os envolvidos cresçam mutuamente.

Para conquistar o concurso, o trabalho dela passou por duas etapas: primeiro, a escolha, por uma banca examinadora, entre os três finalistas que foram, então, submetidos a votação popular. Na última sexta-feira (1º/09), durante a cerimônia de premiação, a docente recebeu R$ 5 mil e um troféu. Terá, ainda, neste sábado (09/09), um dia de recreação com as crianças do CEMEI Aracy Leite Pereira Lopes, onde a ideia foi desenvolvida. Na próxima segunda-feira (11/09), você confere as fotos dos principais momentos, aqui mesmo pelo site.

Além de dar aulas na Educação Infantil de São Carlos, na qual atua há dois anos, Lea se dedica também à formação de novos professores, por meio de metodologias ativas voltadas à primeira infância. Uma forma de dar mais uma contribuição para a educação coesa na qual ela tanto acredita.

- Publicidade -
Compartilhe:
Avatar
Portal da Prefeitura Municipal de São Carlos - SP.
- Publicidade -
plugins premium WordPress