Aguarde...

auto-on

Superesportivo Porsche 911 GT2 é entregue pela Stuttgart

Somente duas unidades foram destinadas ao mercado brasileiro do Porsche 911 GT2 RS Clubsport.

| Auto ON


Porsche 911 GT2 tem motor boxer de seis cilindros e mais de 700 cavalos
  

"Este foi um dia diferente e certamente inesquecível para quem recebeu um superesportivo que nem este", declarou Marcel Visconde, presidente da Stuttgart, concessionária Porsche .
Somente duas unidades foram destinadas ao mercado brasileiro do superesportivo Porsche 911 GT2 RS Clubsport. Para realizar o prazer do novo proprietário, a concessionária fez a entrega no Autódromo Velo Città, em Mogi Guaçú (SP). Assim, o felizardo pode usufruir de uma pista de corridas para acelerar os mais de 700 cavalos proporcionados pelo motor de seis cilindros boxer, biturbo, com 3,8 litros, já que o modelo não é homologado para uso em vias públicas.
Produzido em série limitada de 200 unidades, o 911 GT2 RS Clubsport tem a mesma base mecânica do 911 GT2 RS. A diferença está na ambientação interna: o cockpit incorpora recursos como display de painel e volante de fibra de carbono do 911 GT3 R de corrida da geração "991.1", produzido entre 2015 e 2018. Por meio de comandos no console central, o piloto pode modular a ação dos sistemas eletrônicos de auxílio à pilotagem (controle de tração, gerenciamento de estabilidade e ABS) ou mesmo desligá-los por completo. O banco é de competição e, para maior conforto do piloto, o carro possui ar condicionado. O carro tem câmbio PDK de sete velocidades, que permite selecionar entre a troca automática das marchas ou manualmente pelo piloto.
Um dos 911 GT2 RS Clubsport será incorporado ao acervo da Stuttgart Porsche, enquanto o outro ficou com um cliente que não quis divulgar o nome.

Mais do ACidade ON