- Publicidade -
Lazer e culturaQual valor investido pela Prefeitura no Carnaval 2024 em Campinas?

Qual valor investido pela Prefeitura no Carnaval 2024 em Campinas?

A programação do Carnaval de 2024 em Campinas foi exclusivamente dedicada aos desfiles dos 55 blocos de rua, que começaram ainda no pré-Carnaval

- Publicidade -

A programação do Carnaval de 2024 em Campinas foi exclusivamente dedicada aos desfiles dos 55 blocos de rua, que começaram ainda no pré-Carnaval, no início deste mês. Mais uma vez, neste ano, não haverá o desfile das escolas de samba.

Com a ênfase nos blocos, que têm estrutura mais simples, evitando a contratação de funcionários e a compra de materiais para carros alegóricos e fantasias, não há repasse público para as entidades carnavalescas.

- Publicidade -

O investimento da Prefeitura, de acordo com a secretária de Cultura e Turismo, Alexandra Caprioli, concentra-se na infraestrutura dos locais que recebem os blocos.

“A secretaria de Cultura é responsável por intermediar essa relação entre os órgãos e os blocos. Esse investimento é crucial, pois garante a segurança do evento, como a instalação de banheiros químicos e gradis, evitando problemas como urinar na rua”, explicou.


Qual valor investido pela Prefeitura no Carnaval 2024 em Campinas?

A secretaria de Cultura de Campinas informou que o investimento público no Carnaval de 2024 foi de R$ 1,2 milhão, proveniente não apenas da própria pasta, mas também de emendas impositivas apresentadas por vereadores. Não houve investimento da iniciativa privada.

Caprioli disse também que, ao final do evento, o valor aplicado pelo Município retorna através do consumo gerado pela festa, resultando em impostos para a Prefeitura.

“O investimento feito pela secretaria retorna, pelo menos, de três a quatro vezes em ISS (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza) para o município, impulsionando a economia local”,

afirmou a secretaria

Quanto ao uso adequado do financiamento destinado ao Carnaval, o prefeito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos), explicou que uma lei regula o fundo ligado às secretarias ou pastas locais que organizam os eventos.

“A lei 13.000/019 tornou os repasses mais burocráticos, devido a problemas anteriores com ONGs. Isso exige uma documentação complexa das entidades para receber recursos públicos”, disse.


Legislação impede retomada dos desfiles das escolas

Esta legislação, no entanto, tem impedido a retomada dos desfiles das escolas de samba em Campinas. Para isso, as agremiações ou a liga, entidade responsável pelas escolas de samba, precisam regularizar documentos para obter autorização e, potencialmente, voltarem a competir.

- Publicidade -


O desejo de retomar as atividades das escolas de samba em Campinas esbarra em questões relacionadas ao financiamento, o que levou ao fim dos desfiles na cidade.

Série “O Carnaval de Campinas pede passagem”

Em parceria com a rádio CBN Campinas, o acidade on Campinas apresenta ao longo dessa semana a série: “O Carnaval de Campinas pede passagem”. Estão sendo publicadas matérias que são adaptações em texto das reportagens transmitidas pela rádio. O especial faz uma viagem ao passado para apresentar o início do Carnaval em Campinas até sua evolução para os dias atuais.  Esta é a segunda matéria publicada em parceria.

A primeira foi: Conheça a origem europeia do Carnaval de Campinas

Com informações de Carolina Rodrigues e Marco Guarizo/CBN Campinas

Quer ficar ligado em tudo o que rola em Campinas? Siga o perfil do acidade on Campinas no Instagram e também no Facebook.

Receba notícias do acidade on Campinas no WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar o link aqui!

Faça uma denúncia ou sugira uma reportagem sobre Campinas e região por meio do WhatsApp do acidade on Campinas: (19) 97159-8294.


LEIA TAMBÉM NO TUDO EP

Como proteger o celular no Carnaval?

TikTok perde hits de Taylor Swift, Anitta e outros artistas

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Notícias Relacionadas
- Publicidade -