Aguarde...

ACidadeON Ribeirão Preto

Ribeirão Preto
mín. 20ºC máx. 36ºC

Especial Publicitário

Empresas do Grupo São Francisco são as primeiras em seus segmentos com certificado de combate a corrupção no Brasil

São Francisco Saúde, São Francisco Odonto e São Francisco Resgate recebem a Certificação DSC 10.000, que verifica se as empresas seguem todos os requisitos das leis brasileiras e internacionais de Compliance

ACidade ON - Ribeirão Preto

Visando a transparência com parcerias e negociações completamente regulares, as empresas São Francisco Saúde, São Francisco Odonto e São Francisco Resgate conquistaram o certificado da DCS 10.000 - Diretrizes para o Sistema de Compliance.

As empresas compõem o São Francisco um dos maiores grupos de saúde do país -, e são as primeiras em seus segmentos de atuação, no Brasil, a conquistar a DSC 10.000. O certificado direciona as companhias que buscam um mecanismo legítimo de prevenção e detecção de atos ilícitos, ou contrários aos princípios da ética e das leis vigentes, como fraudes, atos de corrupção ou que vão contra a Administração Pública. Os princípios da certificação cobrem todos os requisitos da Lei Anticorrupção Brasileira (nº. 12.846/13) e também das leis internacionais, como a FCPA e UK Bribery Act, que têm o mesmo foco.

Para estar no padrão que a certificação exige e passar os princípios aos seus 7 mil colaboradores, o Grupo São Francisco desenvolveu um sistema interno para treiná-los, apresentar seu código de conduta e orientar como proteger a empresa contra atos de corrupção.

"Ao presenciar um desvio de conduta, qualquer colaborador deve abrir uma denúncia anônima em um canal próprio, que é administrado por uma empresa externa e especializada. Esta medida garante o anonimato do funcionário e impede que alguém do Grupo tenha acesso ao contato da denúncia", explica Paulo Santini Gabriel, diretor de Compliance e de Relações Institucionais do São Francisco.

Criada em outubro de 2016, a área de Compliance da holding teve como objetivo, desde o início, conquistar a DCS 10.000.

"Por mais de dois anos, nos preparamos muito para estar 100% dentro das normas exigidas e transmitir essa mensagem aos nossos colaboradores. Receber esta certificação comprova que temos um setor de Compliance efetivo e que a empresa segue o caminho da ética, propiciando um ambiente de trabalho saudável", afirma Paulo Gabriel.

Também faz parte do processo analisar a fundo os prestadores de serviços de todo o Grupo, que devem seguir cada tópico de um rigoroso Código de Conduta. "Só trabalhamos com empresas idôneas, que conduzem seus negócios de maneira transparente e em plena conformidade com a legislação vigente como nós. Estamos muito orgulhosos da nossa área de Compliance, dedicada a proteger todas as empresas do Grupo contra práticas ilícitas e a proporcionar um ambiente saudável de negócios", completa.