- Publicidade -
CotidianoJovem cadeirante é vítima de agressões e assédio por colegas em São Carlos

Jovem cadeirante é vítima de agressões e assédio por colegas em São Carlos

Segundo a mulher, ela pediu ajuda para uma amiga e o responsável pela sala não fez nada, apenas pediu para a “brincadeira” acabar

- Publicidade -

Uma jovem, de 19 anos, foi vítima de bullying na unidade Prof. João Batista Gasparin, no residencial Deputado José Zavaglia.

Em registro no boletim de ocorrência, a vítima conta que é cadeirante e que, na última quarta-feira (22), sofreu agressão e assédio por parte dos colegas de sala.

- Publicidade -

Ela afirma que pediu diversas vezes para que parassem com as falas. Revoltados, ela foi cercada e um dos meninos bateu no rosto dela. A discussão continuou e os agressores lamberam uma régua e passaram também no rosto da garota.

Segundo ela, pediu ajuda para uma amiga e disse que o responsável pela sala não fez nada, apenas pediu para a “brincadeira” cessar. Assim como as outras autoridades da unidade.

De acordo com o governo do Estado, os responsáveis pelos meninos foram acionados e os agressores acompanham as atividades de maneira remota. O Conselho Tutelar também será informado. Um psicólogo está à disposição para acolhimento.

A Polícia Civil investiga o caso de assédio e agressão cometido. O caso foi registrado como intimidação sistemática na Delegacia Eletrônica e encaminhado ao 2°DP da cidade, que realiza diligências visando o esclarecimento dos fatos.

FIQUE ON!📲

Quer ficar ligado em tudo o que rola em São Carlos? Siga o perfil do acidade on São Carlos no Instagram e também no Facebook.

- Publicidade -

Receba notícias do acidade on São Carlos no WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar o link aqui.

Faça uma denúncia ou sugira uma reportagem sobre São Carlos e região por meio do WhatsApp do acidade on: (16) 99149-9787.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Notícias Relacionadas
- Publicidade -