14 de abril de 2024
- Publicidade -
Dérbi Campineiro

Promessa da base marca e garante vitória da Ponte Preta sobre o Náutico

Ponte Preta segue dando sinais de recuperação dentro da Série B do Campeonato Brasileiro

Promessa da base marca e garante vitória da Ponte Preta sobre o Náutico (Foto: Denny Cesare/Código 19)

A Ponte Preta segue dando sinais de recuperação dentro da Série B do Campeonato Brasileiro. Na noite desta quarta-feira, em um dos jogos que fecharam a 19.ª rodada, o time campineiro chegou ao sexto jogo sem derrota ao vencer o Náutico, por 1 a 0, no estádio Moisés Lucarelli.   
O jovem Eliel, de apenas 19 anos, que fez seu primeiro jogo como profissional após destaque na base, foi quem fez o único gol da vitória.

Ao marcar o gol ele não se aguentou, tirou a camisa e foi comemorar perto da torcida, em cima do alambrado. “É o momento que eu já esperava há muito tempo. Fiz 11 gols em 11 jogos do time sub-20 e vinha treinando” explicou o herói da noite, que depois mandou abraços para todo mundo ao vivo pela televisão. 

LEIA MAIS
Chapecoense e Guarani ficam no empate e continuam na parte baixa da Série B
Taça das Favelas: veja os times de Campinas que vão disputar a final

Com o resultado, a Ponte Preta conseguiu abrir distância da zona de rebaixamento, chegando aos 22 pontos na 14.ª colocação. O Náutico, que teve seu novo técnico Elano nas arquibancadas, chegou à terceira derrota seguida e está dentro da degola, em 18 º, com 18. Sem Roberto Fernandes, o time pernambucano foi dirigido de forma interina por Dudu Capixaba. 

RESUMO

Em um duelo no qual as duas equipes precisavam demais de um bom resultado, a intensidade no início foi alta, mas aos poucos, a Ponte Preta foi dominando as principais jogadas ofensivas, a maioria delas em chutes de longa distância. Aos 18 minutos, em uma cobrança de falta, Igor Formiga soltou a bomba e Lucas Perri fez a defesa em dois tempos.

Minutos depois, aos 27, foi a vez de Léo Naldi disparar de fora da área, mas a bola acabou pegando muita força e foi para fora. A resposta do Náutico veio aos 31 com Jobson. O volante, aproveitou uma bola recuada e de fora da área, mandou de primeira, acertando a trave. Até por conta disso, o primeiro tempo terminou zerado.

Na volta do intervalo, o Náutico foi para cima e obrigou Caíque França a fazer três boas defesas nos dez primeiros minutos, em chutes de Jobson, Geuvânio e Victor Ferraz. Porém, a Ponte Preta foi mais incisiva e aos 20 minutos, mandou uma bola na trave com Bernardo, em um chute rasteiro de longa distância.

Depois de algumas mudanças no setor ofensivo feitas por Hélio dos Anjos, a Ponte Preta fez uma verdadeira blitz na área adversária e depois de tanto tentar, chegou ao gol da vitória aos 38 minutos. Depois de um escanteio cobrado na área, Fábio Sanches escorou de cabeça e encontrou no segundo pau o jovem Eliel, que havia acabado de entrar, só teve o trabalho de empurrar de cabeça para o fundo das redes. Nos minutos finais, o time campineiro segurou a vitória até o apito final. Comemoração dentro e fora de campo como se o time tivesse tirado um peso das costas. 

PRÓXIMAS PARTIDAS

Os dois times voltam a campo no próximo sábado (23) para a disputa da 20.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Logo às 16h30, a Ponte Preta visita o Grêmio, na Arena Grêmio, em Porto Alegre (RS).   

- Publicidade -

Um pouco mais tarde, às 18h30, o Náutico recebe o Londrina, no Estádio dos Aflitos, no Recife (PE).

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 1 X 0 NÁUTICO

PONTE PRETA – Caíque França; Fábio Sanches, Douglas Mendes (Thiago Oliveira) e Artur; Igor Formiga (Bernardo), Felipe Amaral, Léo Naldi, Fessin e Jean Carlos (Echaporã); Nicolas (Wallisson) e Da Silva (Eliel). Técnico: Hélio dos Anjos.

- Publicidade -

NÁUTICO – Lucas Perri; Thiago Ennes, Carlão, Bruno Bispo e João Lucas; Ralph (Pedro Vitor),

Richard Franco (Richard Franco), Jobson (Júnior Tavares) e Victor Ferraz (Djavan); Geuvânio e Kieza (Jonathas). Técnico: Dudu Capixaba (interino).

GOL – Eliel, aos 38 minutos, do segundo tempo.

ÁRBITRO – Jefferson Ferreira de Moraes (GO).

CARTÕES AMARELOS – Douglas Mendes, Eliel e Léo Naldi (Ponte Preta). Djavan, Geuvânio,

Ralph e Victor Ferraz (Náutico).

RENDA – R$ 71.165,00

PÚBLICO – 5.179 pagantes/5.798 total

LOCAL – Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP). 

LEIA TAMBÉM
Confira valores do álbum de figurinhas para Copa no Catar

- Publicidade -
plugins premium WordPress