15 de junho de 2024
- Publicidade -
Tudo Notícias

Operação Lesa Pátria: deputado Carlos Jordy é alvo da PF

Investigação mira em suspeitos de planejar, financiar e incitar atos antidemocráticos entre outubro de 2022 e o início do ano 2023

Carlos Jordy em discurso na Câmara dos Deputados (Foto: Divulgação/Câmara)

O deputado federal Carlos Jordy (PL-RJ) é um dos alvos desta quinta-feira (18) da 24ª fase da Operação Lesa Pátria, da PF (Polícia Federal). A investigação mira em suspeitos de planejar, financiar e incitar atos antidemocráticos entre outubro de 2022 e o início do ano 2023 no interior do Rio de Janeiro.

São cumpridas dez ordens de busca e apreensão expedidas pelo ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal). A operação acontece no Rio de Janeiro e no Distrito Federal. A casa e o gabinete de Jordy foram vasculhados pelos investigadores.

LEIA TAMBÉM

Procurada pelo FBI, Patrícia Lélis deixa escapar localização em rede social

Suzane von Richthofen vende sandália falsa de marca de luxo em sua loja

Nas redes sociais, o parlamentar classificou as buscas por ele sofridas como “medida autoritária, sem fundamento, sem indício algum, que somente visa perseguir, intimidar e criar narrativa às vésperas de eleição municipal”.

- Publicidade -

As buscas contra o deputado teriam sido motivadas por mensagens interceptadas trocadas com um grupo de golpistas no Rio, diz o G1. A ofensiva aberta nesta manhã também mira radicais que acamparam em frente à 2ª Companhia de Infantaria, em Campos dos Goytacazes, após o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) sair derrotado das eleições 2022.

Segundo a PF, os fatos investigados na 24ª etapa da Lesa Pátria constituem, em tese, supostos crimes de abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, associação criminosa e incitação ao crime.

Investigação permanente da PF sobre os atos golpistas de 8 de janeiro, a Operação Lesa Pátria prendeu, desde sua primeira fase, 97 suspeitos que não haviam sido capturados em meio aos 1.393 presos em flagrante na Praça dos Três Poderes. Além disso, confiscou R$ 25 milhões de investigados pela intentona golpista.

*Com informações da Agência Estado

- Publicidade -

LEIA MAIS

Agora é crime! Lei do ciberbullying é incluída no Código Penal

Compartilhe:
- Publicidade -
plugins premium WordPress