Publicidade

cotidiano

Cidades terão dose adicional em vacinados com a Janssen

Águas de Lindoia, Jaguariúna, Pedreira e Socorro confirmaram adesão à aplicação do reforço, mas aguardam o envio de novas doses para a imunização deste público

| ACidade ON - Circuito das Águas -

Cidades do Circuito farão aplicação da dose adicional em vacinados com a Janssen (Foto: Ministério da Saúde)
As cidades de Águas de Lindoia, Jaguariúna, Pedreira e Socorro confirmaram a adesão à campanha de vacinação com dose adicional em moradores imunizados com a vacina da Janssen, produzida pela Johnson & Johnson. Entretanto, os três municípios afirmam que ainda aguardam o envio de mais doses para dar início à imunização deste público, uma vez que não há vacinas disponíveis.

Dose adicional

O Ministério da Saúde orientou, na semana passada, que os 4 milhões de brasileiros que se vacinaram com o imunizante da Janssen tomem uma dose de reforço entre dois e seis meses após a primeira aplicação. Antes disso, a vacina era classificada como dose única.

O Ministério citou uma pesquisa norte-americana que demonstrou que a dose adicional, quando aplicada com um intervalo mínimo de dois meses, fornece até 94% de proteção contra a covid-19. Com dose única do imunizante, o índice é de 75%. O estudo também demonstrou que os níveis de anticorpos aumentaram de quatro a seis vezes com a dose de reforço.

Em nota técnica enviada pelo governo do estado de São Paulo, há a informações de que as doses usadas para o reforço podem ser de outras marcas, como Pfizer e AstraZeneca, diante da eventual indisponibilidade do imunizante fabricado pela Johnson & Johnson. O ACidadeon/Circuito das Águas apurou que falta Janssen no estoque em toda a região.

Vacinação em Amparo

A estância de Amparo começou a aplicar a dose adicional em, ao menos, 1.757 pessoas que foram imunizadas contra a covid-19 com a vacina da Janssen na última segunda-feira (29). De acordo com a administração, estão sendo utilizadas vacinas que já estavam armazenadas no município.

A Secretaria de Saúde da cidade informou que irá adotar o intervalo mínimo de dois meses entre a primeira e a segunda dose para aplicar o reforço em quem tomou a Janssen. Já para imunossuprimidos, o intervalo será de 28 dias.

A pasta ainda alertou que não há contraindicação da aplicação da segunda dose em gestantes ou puérperas, desde que a dose utilizada seja a Pfizer.

A vacinação contra a covid-19 em Amparo acontece de segunda a sexta-feira em todas as unidades de saúde, das 8h30 às 13h. Já na Unidade de Saúde da Família (USF) do centro, o horário é estendido, com atendimento das 17h às 19h, às terças e quintas-feiras. O mesmo ocorre no posto São Dimas, de segunda-feira a sexta-feira.

Mais notícias


Publicidade