Custo de vida da população de Ribeirão Preto aumentou em março

Repolho é o grande 'vilão' da vez e tangerina, a 'mocinha', segundo IPC-Acirp-Fipe

    • ACidadeON/Ribeirao
    • Da reportagem

O IPC (Índice de Preços ao Consumidor) de março deste ano foi de 0,804% em Ribeirão Preto, registrando inflação e aumento no custo de vida da população em relação ao mês de fevereiro.

De acordo com o índice de inflação, o repolho (variação de 89,47%), a cenoura (82,48%), o chuchu (68,13%), a berinjela (65,64%), o pêssego (65,11%), o pepino (50,44%), a melancia (46,85%), a manga (31,68%), o melão (28,01%) e a beterraba (25,64%) são os grandes "vilões" de 2017.

Ainda segundo o indicador, a tangerina (variação de -50,29%), o limão (-44,55%), a pera Willians (-40,04%), o abacaxi (-27,78%), a abóbora (-26,40%), a goiaba (-19,46%), a maçã (-16,99), o mamão (-16,03%), o feijão (-14,73%) e a couve-flor (-13,47%) são os "mocinhos" deste ano.

O IPC é calculado pela Acirp (Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto), em parceria com a Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas).

LEIA MAIS

Preços começam a cair e Ribeirão Preto registra primeira deflação do ano

Ribeirão Preto tem 19º mês de alta nos preços

Leite dispara e Ribeirão Preto acumula 18 meses de alta nos preços

Preço do feijão dispara em Ribeirão Preto

Arte / A Cidade

 


 


0 Comentário(s)

Seja o primeiro a comentar.