Aguarde...

cotidiano

Ribeirão Preto fica na fase amarela do Plano São Paulo

Governo de São Paulo adiou a atualização marcada para esta segunda-feira (16) devido aos problemas de contabilizações de mortes do sistema

| ACidadeON/Ribeirao

 

Plano São Paulo - mapa atual da quarentena

O Governo de São Paulo anunciou nesta segunda-feira (15), em coletiva no Palácio dos Bandeirantes, que está adiada a atualização do Plano São Paulo devido aos problemas técnicos no sistema do Ministério da Saúde que faz o monitoramento do novo coronavírus.

Havia a expectativa da região de Ribeirão Preto avançar à fase quatro, na cor verde. No entanto, com os problemas técnicos na compilação dos dados o governador João Doria (PSDB) afirmou que a atualização só vai ocorrer no dia 30 de novembro - dia seguinte ao segundo turno das eleições municipais. 
 
De acordo com Doria, a medida de adiar a atualização foi uma atitude "transparente" do Governo de São Paulo. Jean Gorinchteyn, Secretário da Saúde do Estado de São Paulo, acrescentou que a opção por manter o Plano de São Paulo sem atualização por mais 15 dias foi uma "precaução". 
 
No início de novembro, Ribeirão Preto ficou quase uma semana sem atualizar o número de mortes devido ao problema no sistema do Ministério da Saúde (clique aqui e saiba mais).
 
A região de Ribeirão Preto está na fase amarela desde o dia 11 de setembro. As regiões de Franca e de Barretos também estão na mesma fase, a amarela. 
 
 
Regras 
 
O Plano São Paulo foi instituído em 1° de junho para regionalizar a quarentena no Estado. São quatro fases: vermelha, laranja, amarela, verde e azul. 
 
Na fase verde, comparando com a amarela, os estabelecimentos comerciais tem um acréscimo no limite de ocupação de 40% para 60%. Outra mudança é que, a partir de 28 dias na fase verde, são liberados shows com público em pé. 
 
 
VEJA MAIS 

Ribeirão deverá avançar à fase verde do Plano SP, diz prefeito

Com números da fase verde, Ribeirão Preto aguarda Plano SP


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON