Aguarde...

cotidiano

Covid-19: Profissionais da saúde fazem curso de intubação

Treinamento promovido pela Fundação Santa Lydia teve a participação de cerca de 40 profissionais que estão na linha de frente no combate ao novo coronavírus

| ACidadeON/Ribeirao

Segunda edição do treinamento de entubação orotraqueal foi realizada nesta sexta (31) (Foto: Divulgação / Fernando Gonzaga)
 
Profissionais da saúde do hospital Santa Lydia, em Ribeirão Preto, realizaram nesta sexta-feira (31), um treinamento prático de intubação orotraqueal em pacientes infectados pelo novo coronavírus (veja abaixo galeria de fotos). 
 
Segundo a Secretaria Municipal da Saúde, cerca de 40 funcionários da equipe multidisciplinar do hospital, considerados na linha de frente no combate à covid-19, participaram do curso, que também reúne ensinamentos teóricos.  
 
O treinamento, realizado Dr. Bruno Souza Carvalho Colu, médico intensivista da Fundação Santa Lydia e de um hospital particular da cidade, teve como objetivo discutir ações, contra indicações e possibilitar a prática do manejo de vias aéreas por meio de diversas técnicas.     

 
CLIQUE E LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE A PANDEMIA EM RIBEIRÃO PRETO E REGIÃO  

 
"Além dos leitos que estão sendo criados, que é a estrutura física, estamos capacitando os profissionais em toda fase de execução do tratamento ao paciente, para melhorar a segurança do profissional, quanto a segurança do paciente na assistência recebida", explica o superintendente da Fundação, Marcelo Carboneri. 
 
Nas três atividades desenvolvidas (medicação para intubação, materiais de ventilação e simulação realística), os profissionais foram divididos em três grupos, com o objetivo de evitar aglomeração durante a pandemia. 
 
O curso, que já está na segunda edição, deve voltar a ser oferecido a outros profissionais da saúde do hospital na próxima semana.   

 
Linha de frente 
 
Atualmente com 19 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 40 de enfermaria, o hospital Santa Lydia conta com cerca de 120 funcionários no combate à pandemia do coronavírus. Estão entre eles 33 enfermeiros, 10 fisioterapeutas, um fonoaudiólogo e um terapeuta ocupacional.    
 
 


 
LEIA MAIS
 
Ribeirão tem segundo dia com ocupação de UTIs abaixo de 80% 
 
Covid: quatro pessoas em situação de rua testam positivo em Ribeirão 
 
Prefeitura relaxa restrições da quarentena em Ribeirão Preto
 

Mais do ACidade ON