Aguarde...

cotidiano

Ribeirão tem menor índice de isolamento desde maio

Na última sexta-feira (7), um dia após anúncio de que Ribeirão Preto avançaria de fase no Plano SP, isolamento social foi de 40% na cidade

| ACidadeON/Ribeirao

Foto aérea de Ribeirão Preto (Foto: divulgação/Pierre Duarte)
 
No dia seguinte aos anúncios de relaxamento da quarentena pela prefeitura, Ribeirão Preto registrou na sexta-feira (7) o menor índice de isolamento social desde o dia 15 de maio. A cidade avançou para a fase amarela do Plano SP, a terceira com menos restrições na quarentena, no sábado (8) - os dados ainda não foram contabilizados.  

CLIQUE AQUI E LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE RIBEIRÃO PRETO
 
De acordo com o Simi-SP (Sistema de Monitoramento Inteligente de São Paulo), o índice de isolamento em Ribeirão Preto chegou a 40%, na sexta. Adesão menor ao isolamento social do que em cidades como São Paulo (41%), por exemplo, que está na fase amarela do plano de retomada das atividades desde junho.  

Na quinta-feira (6), antes mesmo do anúncio oficial pelo governo paulista, o prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira (PSDB), informou que a região avançaria de fase na quarentena, antecipando, inclusive, a reabertura do comércio para sábado (8).  

Mesmo assim, as atividades que puderam voltar a funcionar, devem seguir restrições em sua capacidade de funcionamento. Vale reforçar que Ribeirão Preto permanece na quarentena.  

O decreto municipal que suspendeu a realização de aulas presenciais, a concessão de alvará de funcionamento para eventos e, também, do Plano de Adequação da Rede de Transporte Coletivo, para evitar a disseminação do novo coronavírus (covid-19) entre passageiros de ônibus, foi renovado até o dia 30 de agosto.  

Leia mais:
Cartilha informa protocolo para a retomada em Ribeirão  

Consumidor volta a lotar o Calçadão de Ribeirão Preto  

Fase amarela: Veja tudo que reabre neste sábado em Ribeirão  

Independente da cor da fase, HC diz que cuidados são primordiais  

Município reforça valor das multas para falta do uso de máscaras  

População se divide sobre retomada de atividades em Ribeirão


Mais do ACidade ON