cotidiano

Especial Coronavirus

São Paulo anuncia fim da obrigação de uso de máscaras ao ar livre

De acordo com o Governo de São Paulo, a medida será válida a partir do dia 11 de dezembro; no transporte público o uso de máscaras continua

| ACidadeON/Ribeirao -

(Foto: Ricardo Wolffenbuttel / Governo de SC)
 O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou que a partir do dia 11 de dezembro não será mais obrigatório o uso de máscaras ao ar livre. O anúncio aconteceu no início da tarde desta quarta-feira (24), em coletiva no Palácio dos Bandeirantes, na Capital. 

Contudo, o uso de máscara continuará obrigatório nas áreas internas das centrais de transporte público, como estações de trem e rodoviárias, por exemplo. O uso de máscara também segue obrigatório no transporte público.  

Segundo o governador, a medida foi possível por conta da queda do número de casos e mortes por covid-19 e do número de pessoas vacinadas contra o novo coronavírus. "Ao ultrapassar os 75% da população totalmente imunizada, o Governo de SP vai retirar a obrigatoriedade do uso de máscaras ao ar livre a partir do dia 11 de dezembro", destacou Doria.
 
"Devemos dar nos próximos dias um importante passo com relação a flexibilização do uso de máscaras, mas precisamos manter importantes cuidados e ter cautela, como a higienização das mãos e o uso da proteção facial em ambientes fechados e no transporte público. Além disso, é fundamental que quem ainda não tomou a segunda dose da vacina, retorne aos postos de saúde para se imunizar e termos assim uma população mais protegida", destacou o Secretário de Estado da Saúde, Jean Gorinchteyn.
 
Confira a coletiva da mudança da regra da máscara em São Paulo:

Mais notícias


Publicidade