ACidadeON Ribeirão Preto

Ribeirão Preto
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Mãe confessa à Polícia Civil de Cravinhos ter matado filho de 19 anos

Tatiana Lozano Pereira relatou à Polícia Civil que matou o filho a facadas em casa no dia 29 de dezembro

| ACidadeON

Reprodução / Facebook
Mãe confessou à Polícia Civil ter matado o filho, Itaberlly Lozano, na madrugada do dia 29 de dezembro (Foto: Reprodução / Facebook)

 

A Polícia Civil de Cravinhos prendeu nesta quarta-feira (11) a gerente de supermercado Tatiana Lozano Pereira, 32 anos, após ela ter confessado o assassinato do filho, Itaberlly Lozano, de 19 anos. O rapaz foi morto no dia 29 de dezembro com uma facada na garganta, segundo ela, após uma briga. A faca que pode ter sido utilizada no crime foi encontrada na casa dela e apreendida.

Tatiana disse que matou o filho que Itaberlly seria usuário de drogas e que teria feito várias ameaças de morte a ela, ao padrasto, o tratorista Alex Canteli Pereira, e ao filho do casal, de quatro anos.

LEIA MAIS

Polícia pede prisão temporária de casal após desaparecimento de filho

De acordo com o delegado Elton Testi Renz, Tatiana disse que, após o crime, ela e o marido enrolaram o corpo de Itaberlly em um cobertor e foram até um canavial, nas proximidades da rodovia José Fregonesi, onde o cadáver foi queimado e enterrado. O corpo foi encontrado no dia 7.

Dois dias depois, a família registrou um boletim de ocorrência do desaparecimento do jovem. No entanto, a polícia já suspeitava da identidade do corpo por causa de uma pulseira encontrada no corpo. O mesmo acessório aparecia em fotos de Itaberlly em redes sociais.

Nesta quarta-feira (11), Tatiana e Alex tiveram decretada a prisão temporária por trinta dias, por homicídio duplamente qualificado e ocultação de cadáver. A polícia investiga, também, a possibilidade de o crime ter sido premeditado e se pode ter havido a participação de outras pessoas no assassinato. (Com EPTV)

Crime foi cometido em casa
Na confissão feita à polícia, Tatiana Lozano Pereira disse que, dois dias antes do crime, Itaberlly teria brigado com ela e saído de casa para ir morar com a avó paterna.

Um dia depois, ele teria voltado para casa e, novamente após uma briga, teria ocorrido o crime, já na madrugada do dia 29 de dezembro.

Logo depois, ela teria acordado o o marido, Alex Canteli Pereira, e contado sobre a morte.
Nessa ocasião, teriam tomado a decisão de embrulhar o corpo em um edredon e levá-lo para o canavial.

No depoimento à polícia, Alex afirmou que não teria ouvido a briga. No entanto, os policiais suspeitam dessa versão, sobretudo porque a casa onde a família morava - e onde foi cometido o assassinato - era muito pequena.

Reprodução / Facebook
Tatiana relatou que matou o filho a facadas e, com a ajuda do padrasto da vítima, Alex Canteli Pereira, levou o corpo até um canavial e o queimou (Foto: Reprodução / Facebook)

 

Comentários

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
10 comentários
  • Ysa
    18/05/2017 16:04:24
    Seja ciumes seja homofobia. Seja o q for.. é fim dos tempos..mae matando filhos filhos matando pais.final dos tempos
  • Cello
    12/01/2017 16:55:36
    Pode haver mais histórias aí que não foram contadas? Traições? Ciúmes? Vingança?
  • Jobson
    12/01/2017 13:46:37
    Em redes sociais estão falando que ela matou por sua orientação sexual. Fica a dúvida!
  • marcia
    12/01/2017 13:18:02
    Uma mãe jamais faria isso.Ela não tinha amor nenhum pelo filho.Merece apodrecer na cadeia!
  • Dulcy
    12/01/2017 12:31:51
    "Cada um sabe a dor e a delícia de ser oq é" Não apoio a atitude dela, mas só Deus para saber oq essa mãe passou com esse rapaz para chegar a esse ponto. Quem realmente tem Deus no coração não julga, ora.
  • nelson moreira viana
    12/01/2017 10:52:06
    ENTÃO COMO UMA OUTRA PESSOA COMENTOU SE ELA MATOU O FILHO DE 19 E ELA TEM 32 COM QUANTOS ANOS ELA TEVE O FILHO COM 13 ANOS
  • bruna pollo
    12/01/2017 10:41:03
    Mãe e Pai ? Que pais são esses meu Deus aonde vamos parar com essa crueldade ... Pra mim vocês tem que queima no inferno casal do capeta mesmo.. Pessoas como vocês tinha que sofrer bastante .Um filho independente se é GAY ou NÃO é um ser humano que tem sentimentos tem vida própria, tinha amigos que parecia ser irmãos mais "FAMILIA" QUE MÃE E PAI. Que Deus te receba de braços abertos no céu, que você descansa em paz.. Meus sentimentos ao amigos e familias que te aceitava como era... E que esse casal do inferno morra e queima no inferno. #Luto Itaberlly Lozano .NÓS TEM QUE RESPEITAR OS PRÓXIMOS COM ELES SÃO, CADA UM COM A SUA VIDA .
  • aristides marchetti filho
    12/01/2017 06:55:46
    Realidade ou novela global? Mão de 32 anos, filho de 19 anos? O cotidiano está mais vulgar e podre do que tudo aquilo que se possa imaginar nas "redes sociais".
  • Deco Ribeiro
    12/01/2017 03:06:40
    Monstra. Fera de Cravinhos. Espero que pague e sofra muito.
  • adjair
    11/01/2017 19:50:44
    se ela tem 32 anos o filho tem 19 ela teve o filho com 13 anos , como definir estas barbaridades

Veja também