ACidadeON Ribeirão Preto

Ribeirão Preto
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Suspeito de matar cabeleireiro se apresenta à polícia

O cabelereiro Ronyel Marinho foi encontrado morto em seu apartamento na quinta-feira (28)

| ACidadeON/Ribeirao

Reprodução / Facebook
Ronyel era querido por todos, diz colega de trabalho (Foto: Reprodução / Facebook)

 

Valdomiro Belém Teixeira, suspeito de ter matado o namorado, Ronyel Marinho, se entregou à Polícia Civil de Ribeirão Preto neste domingo (31).

De acordo com o delegado Cláudio Salles, da DIG (Delegacia de Investigações Gerais), o homem de 49 anos foi ouvido na presença de um advogado.

LEIA TAMBÉM
Polícia pede prisão de suspeito de ter matado o namorado com estilhaços de espelho

Salão faz homenagem a cabeleireiro assassinado em Ribeirão Preto
Polícia procura suspeito de matar namorado com estilhaço de espelho

Segundo Cláudio, o suspeito afirmou que a briga entre os dois aconteceu pois a vítima, o cabeleireiro de 29 anos, sempre lhe pedia dinheiro. O suspeito também disse que Ronyel se feriu no espelho durante uma discussão.

Valdomiro deverá permanecer na cadeia de Santa Rosa de Viterbo.

Entenda o caso

O cabeleireiro Ronyel Marinho, de 29 anos, foi encontrado morto, na madrugada de quinta-feira (28), no apartamento que morava com outras duas amigas, na zona Sul de Ribeirão Preto.

O namorado dele, identificado como Valdomiro Belém Teixeira, 49, foi flagrado pelas câmeras de segurança do condomínio logo após o crime e apontado como autor da morte, que pode ter sido motivada por ciúme e executada com estilhaços de um espelho do quarto.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários

Veja também