Um DVD 'Bem Sertanejo'

Em show gravado em Curitiba, Michel Teló mescla clássicos da música caipira com novas canções do gênero

    • ACidadeON/Ribeirao
    • Da reportagem
Divulgação
Michel Teló durante gravação do DVD, em Curitiba (foto: Divulgação)

 

A música sertaneja tem muita história recente para contar. Michel Teló tem sido o narrador de muitas delas em projeto que passou pela TV, pelo teatro e agora migra para os palcos, seu habitat natural, com o show “Bem Sertanejo”, repleto de clássicos, parcerias e novos hits.

Por aqui, o DVD do show chega antes. Gravado em Curitiba (PR), em março deste ano, o novo trabalho do cantor tem como proposta mostrar a trajetória e as transições por que passou o gênero musical até chegar ao ritmo moderno que se ouve hoje.

“Tive muito orgulho de fazer o espetáculo teatral, o programa no ‘Fantástico’ (Rede Globo) e agora a gravação do DVD. Pela música sertaneja estar no sangue do brasileiro, pensamos em colocar isso em um show. É algo que eu queria fazer desde 2011, mas veio no momento certo”, explicou o cantor Michel em entrevista ao A Cidade.

O DVD soma 21 faixas, divididas entre clássicas e inéditas. Reúne canções que vão desde Tião Carreiro, Milionário e José Rico, passando por Chitãozinho & Xororó, Bruno & Marrone até chegar a João Bosco e Vinícius, os percussores do novo sertanejo.

É claro que não poderiam faltar canções com grandes nomes da atualidade, como Jorge e Mateus (em “Coisa de Deus”), Maiara e Maraisa (em “Modão Doído”) e Marília Mendonça (em “Por Trás da Maquiagem”).

“O sertanejo vem se reinventando. Hoje fala de amor, balada, cotidiano... Só que de maneira mais pop. É importante manter a nossa tradição, mas também trazer novidade à geração de hoje. E é através desse movimento com novos nomes, misturando e agregando, que se faz um ‘casamento musical’ perfeito”, comenta Michel.

SUA HISTÓRIA

Dono do sucesso “Ai Se Eu Te Pego”, que conquistou o topo das paradas em 23 países, Michel Teló veio de Medianeira, no Paraná, e vivencia a música desde os 12 anos de idade. Começou no grupo Guri, foi para o Tradição e depois se lançou em carreira solo. Ele comemora 25 anos de estrada no próximo ano e se prepara para uma nova fase musical e pessoal: estreia a nova temporada do The Voice, na Globo, como jurado, e é pai novamente: nasceu o segundo filho, Teodoro. “É o momento mais mágico da minha vida. Tem a parte profissional no meio de tudo isso, mas a Melinda e o Teodoro sempre foram o que eu e a Thais (esposa) queríamos, então estamos muito felizes”, diz. (Giovanna Romero, sob supervisão de Silvia Pereira).


0 Comentário(s)

Seja o primeiro a comentar.