Aguarde...

ACidadeON

Voltar

vidaeestilo

Parque Disney's Animal Kingdom tem programação eclética

Montanha-russa no escuro e com percurso de ré, safári no meio da savana e imersão no mundo de Pandora figuram entre os destaques

| ACidadeON/Ribeirao

De longe, parece que o monte Everest foi transportado para dentro do parque Disney´s Animal Kingdom (Foto: Lucas Catanho/A Cidade)
 

No parque Disney's Animal Kingdom não faltaram atrações de diferentes estilos, a começar pela Expedition Everest, uma montanha-russa com destaque para o ponto em que termina o trilho do trem e o veículo começa a correr para trás, no escuro. Muita adrenalina fez a gente repetir a dose - com o guia VIP não pegávamos fila alguma.  

E não podia faltar o safári. Fomos ao Kilimanjaro Safaris, um passeio em um veículo que comporta até 32 passageiros do qual é possível ver leões, elefantes, hipopótamos, hienas, crocodilos, zebras, rinocerontes, entre tantos outros animais passeando livremente pelos 40 hectares de savana, rios e morros.  

Depois teve emoção e interatividade no Festival of the Lion King, um show de acrobacias, dança e música baseado no filme "O Rei Leão", com dezenas de artistas. No final, fui um dos chamados para tocar percussão na canção de encerramento. Muito divertido! 

Avatar - Flight of Passage nos transporta ao mundo de Pandora: simulação incrível (Foto: Divulgação/Walt Disney World)
 

Voo 3D em Pandora  

O que mais me tirou o fôlego no Disneys Animal Kingdom, no entanto, foi Avatar - Flight of Passage. A atração recente - tem um ano em funcionamento - proporciona um voo 3D emocionante por Pandora (o mundo criado pelo diretor James Cameron no longa de animação "Avatar"), com direito a vento no rosto e obstáculos no percurso. Com efeitos extraordinários, difícil não querer repetir a dose. E foi o que fizemos no encerramento da programação dos quatro parques, muito bem visitados em três dias. Fechamos com chave de ouro!  

Viagem com conforto  

A reportagem viajou a Orlando no Airbus A300 da Azul, que traz uma série de comodidades aos passageiros. Na classe Business, os clientes contam com uma confortável e privativa cama com reclinagem de 180 graus.   

A disposição dos assentos, no formato 1-2-1, oferece acesso direto aos corredores, o que permite ainda mais mobilidade. Além disso, todas as poltronas têm tomadas 110V. 

A Azul é a única companhia da América Latina a ter o SkySofa - grupo de quatro poltronas que se transformam em uma cama -, para voos com destino a Fort Lauderdale/Miami, Orlando e Lisboa.  

O novo produto, inédito no Brasil, é comercializado em até cinco fileiras da classe Economy Xtra das aeronaves. O SkySofa ocupa as poltronas do meio e conta com 86 centímetros de espaço na horizontal.  

Os assentos da classe econômica também são revestidos em couro e têm uma separação entre fileiras de 78 centímetros. Assim como na Economy Xtra, os pontos de energia de 110V também estão disponíveis. (Lucas Catanho viajou a convite da Azul Linhas Aéreas e da Walt Disney World Resort) 


Mais do ACidade ON