Aguarde...

Especial Névio Archibald

Nogueira e Doria lamentam saída do ministro Nelson Teich

Ministro da Saúde pediu demissão nesta sexta; Prefeito diz que isso atrapalha o enfrentamento ao coronavírus e Doria vê "barco à deriva"

| ACidadeON/Ribeirao

Ministro pediu demissão nesta sexta (Foto: Marcello Casal Jr / Agência Brasil)

O prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira (PSDB), e o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), lamentaram a saída do Ministro da Saúde, Nelson Teich, que foi anunciada no início da tarde desta sexta-feira (15).

Na coletiva sobre o balanço de casos do novo coronavírus em Ribeirão Preto, Nogueira lembrou que Teich foi o segundo ministro da pasta da Saúde a sair em menos de um mês.

"Para as medidas de organização e enfrentamento (ao coronavírus) é muito ruim. Tira a previsibilidade, reduz a expectativa do planejamento em âmbito nacional e coloca a população brasileira em uma situação de ansiedade e preocupação desnecessária", analisou Nogueira.

Já o governador escreveu, no Twitter, que a saída de Teich coincide com o momento em que a curva de mortes acelera. "O Brasil perde com a saída de Nelson Teich. O barco está á deriva. Que Deus proteja o Brasil e os brasileiros", escreveu Doria.  

Há menos de um mês - 28 dias - Luiz Henrique Mandetta deixou o Ministério da Saúde por desavenças com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Nesta sexta foi a vez Teich sair.

Mais do ACidade ON