22 de junho de 2024
- Publicidade -
EP Agro

Valor do arroz sobe após enchentes no Rio Grande do Sul

Média de preço aumentou de R$ 22,90 para R$ 25,49

Arroz branco (Foto: Freepik)

Entre 25 de abril e 28 de maio, os pacotes de arroz mais baratos nas prateleiras dos supermercados subiram 11,31%, segundo a Abras (Associação Brasileira de Supermercados). A média de preços passou de R$ 22,90 para R$ 25,49 no período, que foi marcado pelas enchentes no Rio Grande do Sul, estado responsável por 70% da produção de arroz no Brasil. Esses dados foram publicados em 29 de maio na coluna de Míriam Leitão, no jornal O Globo.

Categorias de Arroz e Aumentos

O levantamento da Abras considerou três categorias de arroz:

  • Categoria mais cara: aumento de 1,08%, de R$ 46,45 para R$ 46,95.
  • Faixa intermediária: variação de 5,01%, de R$ 32,75 para R$ 34,49.
  • Categoria mais barata: aumento de 11,31%, de R$ 22,90 para R$ 25,49.

LEIA TAMBÉM

Ácaros na agricultura: conheça a importância de algumas espécies 

Governo libera mais R$ 6,7 bi para compra de arroz

Disponibilidade de Arroz e Influência da Demanda

Segundo a Abras, não há escassez de arroz nos mercados. No entanto, Matheus Dias, economista do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV Ibre), explica que a demanda tem pressionado os preços.

- Publicidade -

“O que observamos é que, mesmo com a disponibilidade de estoques de arroz, há um medo entre os consumidores de que o produto não será suficiente para todos. Com o Rio Grande do Sul ainda enfrentando problemas logísticos na distribuição, alguns supermercados, percebendo um aumento inesperado na demanda, elevaram os preços do produto,” explica Dias.

Recomendações para os Consumidores

A Abras aconselha os consumidores a pesquisarem preços e promoções tanto em lojas físicas quanto no e-commerce para economizar. A associação destaca que “questões logísticas e os preços de comercialização continuam sendo discutidos pelos setores produtivos com o governo federal, assim como os prazos para a entrada do produto no varejo nacional.”

Compartilhe:
Rafaela Viveiros
Formada em Jornalismo pela Universidade Paulista (Unip). Jornalista do Grupo EP, repórter do Tudo EP, está no portal desde 2021 e possui experiências com produção de matérias para os portais, edição de vídeos, imagens e criação de conteúdo para as redes sociais.
- Publicidade -
plugins premium WordPress