Publicidade

cotidiano

Ministério Público do Trabalho abre inquérito para investigar danos em escola de Araraquara

Ação foi aberta após denúncia do Sismar, que apontou necessidade de reparo no telhado; Prefeitura disse que avaliou danos e abrirá licitação para obras

| ACidadeON/Araraquara -

Os danos na escola Ruth Cardoso motivaram a denúncia do Sismar e a abertura de inquérito
A Procuradoria Geral do Trabalho 15ª Região instaurou inquérito civil para apurar eventuais irregularidades trabalhistas na área da Educação. O inquérito, instaurado pelo Procurador do Trabalho Rafael de Araújo Gomes, foi instaurado após denúncia do Sindicato dos Servidores Municipais de Araraquara e Região (Sismar).

De acordo com o sindicato, parte do telhado da Escola Municipal de Ensino Fundamental Ruth Cardoso desabou com as chuvas do dia 12 de novembro e continua gerando transtornos, devido a problemas de infiltração, que estariam colocando em risco a saúde dos trabalhadores.

Ainda segundo a denúncia do Sismar, os reparos precisam ser feitos com urgência.

RESPOSTA 

Em nota encaminhada à reportagem, a Prefeitura disse que a Procuradoria Geral do Município recebeu a intimação e, juntamente com a Secretaria Municipal de Educação, responderá todos os questionamentos.  

Segundo a nota, a obra de reparo, em razão dos valores financeiros e cumprimento da legislação vigente, será licitada e envolverá também laudo técnico em 2.200 metros de telhados.  

"Vale reforçar que a equipe técnica da Secretaria Municipal de Educação esteve no local, fez os apontamentos do dano e as salas referidas foram isoladas. Ou seja, não estão sendo utilizadas.", concluiu a nota da Prefeitura.

Mais notícias


Publicidade