Aguarde...

Economia

Conta de energia terá comunicado para ajudar clientes em atraso

Medida atende orientação de órgãos de defesa do consumidor; dívida pode ser parcelada em 12 vezes

| ACidadeON/Araraquara

CPFL terá novo atendimento ao público em Araraquara (Foto: Divulgação)
 

A partir deste mês, a CPFL vai começar a emitir uma mensagem nas contas de luz que estão em atraso. A medida, de acordo com a concessionária, é uma forma de reduzir a inadimplência, aumentando os canais de negociação para evitar os cortes futuros. 

As contas sem pagamento terão a mensagem "Vamos juntos evitar o corte?". Esse texto vai aparecer em destaque dentro da fatura e funcionará, de acordo com a empresa, como um aviso preventivo. Segundo Júlio Cesar Oliveira, consultor de negócios da CPFL Paulista, a iniciativa visa também atender às orientações de órgãos de defesa do consumidor. Ele diz que há muitas formas de regularizar a situação em caso de dívida. 

Os clientes que estiverem com uma ou mais contas em atraso podem parcelar o débito em aberto em até 12 vezes nos cartões de crédito e também via boleto. Essa facilidade já era prevista no ano passado e vou renovada para 2021. A condição é exclusiva para pagamentos via canais digitais, e é válida para um valor entre R$ 150 a R$ 18 mil em contas atrasadas.  

"Na realidade, alguns órgãos de Defesa do Consumidor também solicitaram junto a distribuidora, que o aviso fosse de forma preventiva. Então, vamos fazer de forma preventiva e colocar alguma informação tranquila, para o cliente não se preocupar, mas sim ter uma informação antes de qualquer ação. Trazendo essas informações, vamos evitar o corte, dando ao cliente vias canais de atendimento, opções de parcelamento via cartão de crédito, o cliente também pode entrar pelo site e ele precisa estar apto para ser atendido".  

O comunicado será apenas para clientes inadimplentes. O resto das informações da conta continua igual. Até o dia 31 de dezembro, vigorou portaria da Aneel que proibia as empresas concessionárias de cortarem o fornecimento de energia de cliente inscritos na Tarifa Social, em razão da pandemia. 

"O ideal é manter os dados cadastrais sempre atualizados. Ele pode entrar pelo site www.cpfl.com.br ou pode tirar dúvidas pelo aplicativo CPFL Energia. Lembramos também que agora temos o whatsApp e, assim ele pode acessar a CPFL a qualquer momento sem sair de casa". 

Agora, se não houver o pagamento a corte pode ocorrer para esse programa. Para renegociar a dívida, basta acessar www.cpfl.com.br ou baixar o aplicativo CPFL Energia. Há, ainda, o canal de atendimento pelo whatsapp que é o (19) 3795-1705 ou pelo 0800 010 10 10.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON