Aguarde...

cotidiano

Covid: Pacientes aguardam resultado de exames de setembro

São 229 pessoas nessa condição em Ribeirão Preto, além de outras 792 de outubro, que totalizam 1.021, segundo balanço da Secretaria Municipal da Saúde

| ACidadeON/Ribeirao

Pacientes ainda aguardam resultado de exames de setembro (Foto: Roberto Costa/ Código19)
 

Atualizada às 15h01 

Ribeirão Preto ainda possui 1.021 pacientes sem resultado de exames para a covid-19, dos quais 229 são referentes ao mês de setembro, de acordo com o balanço mais recente da Secretaria Municipal da Saúde. 

Segundo o boletim epidemiológico com dados consolidados até o último domingo (18), além dos pacientes de setembro, são mais 792 em outubro ainda sem saber se contraíram ou não o novo coronavírus. Essas pessoas tiveram os sintomas da doença, mas ainda não sabem o diagnóstico. (veja todos os números abaixo)  

LEIA TAMBÉM - Ribeirão Preto atinge 30 mil casos confirmados de covid-19

O número de outubro, contudo, é bem menor do que o registrado em julho, quando a fila por diagnóstico da covid tinha mais de 6 mil pacientes.   

Nessa época, um robô entrou em funcionamento para agilizar os resultados no município. O equipamento, importado da Alemanha, processaria 800 amostras por dia, de acordo com a Prefeitura de Ribeirão.   

Números

Ribeirão registrou até o último domingo 67.472 notificações da covid-19, das quais 30.012 foram confirmadas e 36.439 descartadas. Outros 1.021 estão sob investigação.  

São 818 mortes em decorrência da doença no município. 

Outro lado 

A Secretaria Municipal da Saúde informou, por meio de nota ao ACidade ON, que os casos em investigação aguardam processamento por laboratórios públicos e privados de Ribeirão Preto, porém não esclareceu o motivo do atraso dos diagnósticos de exames de setembro e qual a previsão para os resultados.

"Aqueles que não colheram material, serão encerrados por critérios clínicos e epidemiológicos após avaliação pela equipe da Vigilância Epidemiológica" disse a nota.

A Pasta ainda informou que os exames que competem ao município, pelas unidades de saúde, estão com fluxo normal.

(Reprodução)


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON