Aguarde...

ACidadeON Ribeirão Preto

Ribeirão Preto
mín. 20ºC máx. 36ºC

Política

Governador João Doria estará na Festa do Peão de Barretos nesta sexta (16)

A festa começa nesta quinta-feira (15), com a expectativa de reunir 1 milhão de visitantes em 11 dias

| ACidadeON/Ribeirao

Governador João Doria (PSDB) estará na 64ª Festa do Peão de Barretos (Foto: ACidade ON - Ribeirão Preto)


O governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), irá a Barretos (a 423 km de São Paulo), na sexta-feira (16), para participar da 64ª Festa do Peão de Boiadero. A festa, no entanto, começa antes, nesta quinta-feira (15), com a expectativa de reunir 1 milhão de visitantes em 11 dias. Cerca de R$ 1 milhão em prêmios serão distribuídos para os competidores em todas as provas ligadas a cavalos e touros.  

Esta não será a primeira vez de Doria na Festa do Peão. Durante a campanha eleitoral, em 2018, ele esteve na cidade para participar da festa e durante o comício, começou um discurso de 17 minutos com um "Seguuuuura, peão!"

No ano passado, Doria prometeu apoiar o Hospital de Amor (novo nome do Hospital de Câncer de Barretos), retomar projeto de melhorias em estradas fazendo parcerias público-privadas, instalar uma Fatec (Faculdade de Tecnologia) na cidade e não ser tolerante com o crime.

FESTA  

As montarias em touro completam 40 anos na Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos. Ao final do Barretos International Rodeo, dia 25, o campeão sairá da arena de rodeios projetada por Oscar Niemeyer (1907-2012) levando como prêmio uma camionete de R$ 280 mil. 

Apesar do sucesso de público, os rodeios são questionados com muita veemência por entidades de proteção animal, que afirmam que os animais sofrem tortura nas festas de peão, antes, durante e após serem usados nas montarias.  

A principal queixa de associações como Amor de Bicho Não Tem Preço, Uipa (União Internacional Protetora dos Animais) e PEA (Projeto Esperança Animal) é o uso do sédem (cinta de lã que passa na virilha dos touros), mas não é a única.  

Também fazem parte do cardápio de críticas a utilização de condutores elétricos (choque) nos animais e os excessos de luminosidade na arena (refletores e fogos de artifício) e de barulho (caixas de som e fogos).  

"Essa prática deveria ser extinta. Que prazer há em ver o animal sofrer para a diversão de alguns?", questionou a ativista Claudia Carli, da Amor de Bicho.

Você pode ajudar o jornalismo sério

A missão do ACidade ON é fazer um jornalismo de qualidade e credibilidade. Levar informação confiável e relevante, ajudar a esclarecer e entender os fatos, sempre na busca de transformação. E o seu apoio é fundamental. Ajude-nos nessa missão para construir uma sociedade mais crítica e bem informada.

Apoie o bom jornalismo.

Já é assinante? Faça seu login.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON