Aguarde...

Cotidiano

Com idoso curado da Covid, família agradece por mais um Dia dos Pais

Nicola Colloca ficou 17 dias em coma isolado devido ao coronavírus, mas hoje pode celebrar a data com sua família; ele foi o são-carlense mais idoso a se curar

| ACidadeON/São Carlos

 

Foram quase dois meses com um misto de medo, desespero, preocupação, e acima de tudo, esperança. Mas hoje, após o aposentado Nicola Colloca, de 89 anos, estar curado da Covid-19, a família agradece por conseguir comemorar o Dia dos Pais neste domingo (9) ainda mais unidos e fortes.  

Ao todo, foram 17 dias em coma isolado e mais de um mês internado na UTI-Covid da Santa Casa de Misericórdia. O idoso foi ao hospital com dor no braço e uma falta de ar, mas depois de exames e uma tomografia, veio o resultado positivo para o novo coronavírus. Naquele momento, o mundo da família desabou.  

"Ficamos com muito medo porque os médicos não deram esperanças para a cura devido ao tratamento e pela idade avançado, mas ficamos firmes na fé porque ele é um homem muito forte, então foi na fé que nos apegamos naquele momento", contou o filho Marcio Colloca.  

Durante esse tempo, o aposentado teve uma insuficiência respiratória muito séria e precisou ser entubado, passando por vários procedimentos devido à gravidade da situação. Com calma e todos os cuidados necessários, Nicola conseguiu se recuperar e em 19 de junho ganhou alta, sendo o são-carlense mais idoso que venceu a doença.   

Nicola Colloca, 89 anos, com o filho Eduardo, antes de receber a alta do hospital Foto: Assessoria Santa Casa

Ainda mais fortes
Patriarca de uma família grande, Nicola passou por dois casamentos, onde teve 10 filhos: Jorgina, José Carlos, Ariovaldo, Aparecida, Maria do Carmo, Vera, Regina, Márcio, Fátima e Eduardo.  

Para o filho Márcio, o aposentado sempre foi uma pessoa forte, feliz e disposto, principalmente para a família. "Ele é um homem que se preocupa com todos, está lá quando precisamos. Não tem tempo ruim com ninguém e tem um amor imenso tanto com os filhos quanto com nora e neto. É um verdadeiro herói", contou.  

Após a cura da doença que já foi a causa da morte de mais de 100 mil mortes em todo o país, Nicola Colloca demonstrou ser ainda mais forte. Hoje, seus filhos agradecem por poderem comemorar juntos e por mais um ano o Dia dos Pais, data que agora vai ser celebrada de uma forma ainda mais especial.  

"Cada dia é um dia especial ao lado dele, mas poder comemorar essa data com ele, ainda mais depois de tudo que aconteceu, não tem palavras que podemos expressar nosso sentimento. É um milagre e estamos muito felizes em poder estar comemorando com ele", disse Márcio.  

Nicola é um exemplo de força e determinação, e tais adjetivos também foram passados aos filhos, que hoje também se tornam pais e podem repassar todo esse conhecimento e amor aos seus netos. Neste ano, depois de tantas turbulências, o senhor de 89 anos se torna mais uma vez uma fonte de inspiração e orgulho.

Mais do ACidade ON