Aguarde...

cotidiano

Prefeitura formaliza protocolo sanitário para condomínios

Uma das maiores dúvidas era quanto ao uso de piscinas, salões de festas, campos de futebol e academias; confira

| ACidadeON/São Carlos

Prefeitura de São Carlos. Foto: Divulgação

A Prefeitura de São Carlos, por meio do Departamento de Fiscalização e da Vigilância Sanitária, em atendimento aos síndicos e administradoras de condomínios residenciais que atuam no município, construiu um protocolo sanitário específico para o segmento.  

Os representantes dos condomínios expuseram todas as duvidas e fizeram reivindicações. Uma das maiores dúvidas era quanto ao uso de piscinas, salões de festas, campos de futebol e academias.  

Após uma análise de algumas atividades econômicas que foram liberadas pelo Plano São Paulo, o Departamento de Fiscalização elaborou um protocolo que deve ser seguido por todos os condomínios residenciais.  

Piscinas, campos de futebol, quadras poliesportivas e pistas de danças não devem ser usadas para evitar aglomerações. Brinquedos como piscina de bolinhas e camas elásticas também estão proibidos pela dificuldade de higienização.  

Foi permitido o uso de salão de festas, pois assim como os buffets, os condôminos usam esse espaço para festas e pequenas reuniões familiares. Todos os protocolos de segurança sanitária como controlador de acesso, higienização dos espaços, aferimento de temperatura e 40% da capacidade, devem ser cumpridos. 

As academias dos condomínios foram liberadas, porém com agendamento de horário e todas as regras de higienização e sanitização. 

Rodolfo Penela, diretor do Departamento de Fiscalização, disse que esses protocolos devem ser seguidos, pois o Plano São Paulo ainda não liberou atividades que possam gerar aglomerações. "O Governo do Estado liberou o funcionamento de buffets, então não faria sentido a Prefeitura impedir que os condomínios usem o espaço, porém com todos os protocolos sanitários, os mesmos exigidos para a iniciativa privada", afirmou Penela.

Mais do ACidade ON