Aguarde...

ACidadeON São Carlos

SÃO CARLOS
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Suspeito de furto morre após ser espancado em São Carlos

Homem ainda tem identidade desconhecida e estava internado na Santa Casa desde o começo desta semana

| ACidadeON/São Carlos

Foto: ACidade ON São Carlos

 
Um homem - que ainda não teve a identidade confirmada - morreu no final da noite de quinta-feira (10), após passar três dias internado na Santa Casa de São Carlos. Ele foi espancado depois de ser acusado de furtar bens de um veículo no dia 7 deste mês. De acordo com o boletim de ocorrência, ele sofreu politraumatismo com traumatismo crânio-encefálico, pneumotórax esquerdo, fratura de arcos costais e hematoma suprarrenal.   

O corpo do desconhecido foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de São Carlos para realização de testes genéticos com objetivo de identificar sua identidade.

Entenda o caso

O homem foi filmado por uma câmera de segurança enquanto subtraía celular e documentos de dentro de um veículo na Rua José Pallone, no Jardim Bandeirantes. De acordo com as informações do boletim de ocorrência registrado no Plantão Policial de São Carlos, a Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência de furto pelo local citado.  

Os policiais encontraram o suspeito caído no chão, inconsciente, ao lado de um jovem, o qual seria genro da vítima do furto. O rapaz relatou que a câmera de segurança da sua residência flagrou o suspeito furtando um celular e documentos de dentro do carro da  sogra. Ele ainda disse que se deparou com o homem das gravações próximo à pista de skate do Santa Felícia e que tentou abordá-lo.  

De acordo com o jovem, ele só queria reaver o cartão bancário e a CNH furtada, porém, quando questionado, o homem tentou fugir. Depois de ser alcançado, ele ainda tentou agredir o jovem, momento em que dois desconhecidos se aproximaram e começaram as agressões contra o suspeito de furto.  

O jovem de 26 anos acionou a Polícia Militar e disse que não tinha a intenção de agredir o homem, apenas de reaver os bens furtados, já que o celular fora localizado com outra pessoa que o comprou pelo valor de R$ 50. Os policiais chamaram uma ambulância do Samu, a qual socorreu o homem inconsciente, em estado grave, até a Santa Casa de São Carlos. A Polícia Civil registrou o fato.


Mais do ACidade ON