Aguarde...

ACidadeON

Voltar

divirta-se

Natiruts é a primeira atração confirmada para o Tusca 2019

Ingressos já se encontram no terceiro lote e pacote completo tem valores de R$ 340 e R$ 420 para todos os dias

| ACidadeON/São Carlos

Natiruts é a primeira atração confirmada para o Tusca 2019 (Foto: Carlos Muller)
A edição de 40 anos da Taça Universitária de São Carlos (Tusca) confirmou na quinta-feira (4) a primeira atração para o evento em 2019. A banda Natiruts vem a São Carlos para agitar a festa universitária, que vai acontecer entre os dias 14 e 17 de novembro.  

As vendas dos ingressos tiveram início no dia 22 de maio. Atualmente, a entrada se encontra no terceiro lote, com valores de R$ 340 para os estudantes e R$ 420 para a inteira. O pacote dá direito a todas as festas e tendas que vão acontecer durante o evento.   

Para maiores informações, basta acessar a página oficial do Tusca no Facebook.

Sobre a banda

Natiruts é uma banda brasileira de reggae formada em Brasília em 1996. Chamada inicialmente Nativus, a banda de reggae foi rebatizada de Natiruts devido a um grupo catarinense de música regional, Os Nativos, que entrou com um processo. A banda brasiliense defende o reggae de raiz, mas incorporou ao som uma grande influência brasileira.  

Quando ainda se chamava Nativus, o grupo vendeu 40 mil discos independentes com o sucesso "Presente de um beija-flor", até ser contratada pela EMI. A nova edição do disco, Nativus, vendeu 450 mil cópias. O segundo disco, Povo Brasileiro, foi produzido por Liminha e, como o reggae de Bob Marley, tem músicas com mensagens de alto teor político, como "Proteja-se e lute" e "Povo brasileiro".  

Sem muitas novidades na sonoridade da banda, em 2001, é lançado "Verbalize", com destaque para as faixas "Verbalize" e "Andei Só", hits da época. O terceiro álbum traz também a participação especial de Rodolfo Abrantes, antigo vocalista dos Raimundos, na faixa "Homem do Povo". Em 2002, gravam o disco Qu4tro, que marca a saída do guitarrista Kiko Peres da banda.  

Natiruts ressurge com Nossa Missão, lançado em 2005. Neste disco, produzido pelo próprio Alexandre Carlo, vocalista e principal compositor do grupo, o grande diferencial é a aproximação com o Dub, a vertente mais psicodélica do reggae, que incorpora experimentações, sem contenção na adição de efeitos, como Delays e Reverbs, surgida na Jamaica dos anos 70.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON