22 de julho de 2024
- Publicidade -
Tudo Notícias

Quando começaram as enchentes no Rio Grande do Sul?

Desastre climático afetou mais de 1,4 milhão de pessoas em todo o estado; veja qual é a previsão do tempo para os próximos dias

Enchentes começaram há mais de uma semana (Foto: Gustavo Mansur/Palácio Piratini)

As enchentes no Rio Grande do Sul já afetaram várias regiões do estado. As inundações são resultado da elevação do nível do rio Guaíba, o que tem provocado a retirada de moradores de suas casas.

Quando começou as enchentes no Rio Grande do Sul?

As enchentes no Rio Grande do Sul começaram no dia 29 de abril e já afetaram 1,4 milhão de pessoas em todo o estado. Destes, 48,8 mil pessoas estão em abrigos, enquanto 159 mil estão desalojadas e se abrigando em casas de familiares ou amigos. Dos 401 municípios gaúchos, 388 relataram problemas decorrentes do temporal.

Vítimas dos desastres

O número de mortos devido às enchentes no Rio Grande do Sul chegou a 95, de acordo com o boletim divulgado pela Defesa Civil na terça-feira (7). Há ainda 131 desaparecidos e 372 feridos. Além disso, quatro mortes estão sendo investigadas para verificar se têm relação com as chuvas. O estado também enfrenta problemas de infraestrutura, com mais de 206 mil pessoas sem energia elétrica.

Nível do Rio Guaíba

O IPH (Instituto de Pesquisas Hidráulicas) da UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) estima que o rio Guaíba pode levar até 30 dias para baixar para menos de 3 metros. Nesta terça, o nível do rio estava em 5,25 metros, segundo dados do g1.

LEIA TAMBÉM

Como ajudar o Rio Grande do Sul pessoalmente?

Por que o governo Lula recusou ajuda do Uruguai? 

- Publicidade -

Alerta para a região da Lagoa dos Patos

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), emitiu um comunicado alertando sobre o risco na região da Lagoa dos Patos, que fica a cerca de 118 quilômetros do Guaíba. A água que causa transtornos na região metropolitana de Porto Alegre desce para a Lagoa dos Patos após deixar o rio. Como resultado, os municípios da Costa Doce estão em alerta máximo.

Previsão para os próximos dias

A previsão dos meteorologistas da Climatempo indica que o Rio Grande do Sul pode enfrentar novos episódios de chuva intensa e fortes rajadas de vento até o final desta semana. A situação pode piorar no domingo (12), com condições climáticas adversas esperadas em várias regiões do estado.

- Publicidade -

LEIA MAIS

Como está a estrada para Gramado?

Compartilhe:
Rafaela Viveiros
Formada em Jornalismo pela Universidade Paulista (Unip). Jornalista do Grupo EP, repórter do Tudo EP, está no portal desde 2021 e possui experiências com produção de matérias para os portais, edição de vídeos, imagens e criação de conteúdo para as redes sociais.
- Publicidade -
plugins premium WordPress