Aguarde...

ACidadeON Araraquara

Araraquara
mín. 20ºC máx. 36ºC

Cotidiano

Detentas de Araraquara desfilam charme e elegância em concurso de Miss

Evento realizado nesta terça-feira (13) elegeu três mulheres nas categorias Miss Primavera, Miss Simpatia e Miss Maturidade; ao todo 32 candidatas concorreram e desfilaram

| ACidadeON/Araraquara

 

Com comemoração e alegria, reeducandas do Centro de Ressocialização Feminino de Araraquara (CR) esbanjaram charme e elegância na 10ª edição da Festa da Primavera, realizada na noite desta terça-feira (13). O ambiente, que muitos consideram como sinônimo de tristeza deu lugar a luzes, flashes e sorrisos sem moderação.  

Em uma passarela montada dentro do CR com direito a jogo de luzes e um DJ profissional, 32 mulheres que cumprem pena no regime fechado disputaram o posto máximo da beleza e desfilaram com traje casual e de gala, divididas em três categorias: Primavera, Simpatia e Maturidade.  

Mas se engana quem pensa que a festa é apenas um oba-oba àquelas que cometeram erros e pagam por eles. O momento, conforme explica a diretora técnica do CR, Jucélia Gonçalves da Silva, é fundamental para resgatar a autoestima, valorizando e reforçando que elas podem ter sonhos apesar do momento que estão passando.  

"O trabalho é feito com todo amor e carinho para mostrar que aqui tem borboletas vencedoras, que passaram por uma fase escura, dentro de um casulo e estão desabrochando. Estamos felizes, pois é importante mostrar que somos mulheres fortes, bonitas, que passaram por uma prova de fogo e estão firmes. Estamos aqui com amor todos os dias", ressalta Jucélia. 

 

Camila, Silvana e Janaína foram as vencedoras do concurso de Miss no CR Feminino. (Foto: Amanda Rocha/ACidadeON)

Fé no que virá
Entre as três mulheres premiadas na noite, todas presas pelo crime de tráfico de drogas, o sentimento pode ser resumido em esperança e fé no que virá. Aos 26 anos, Camila Correia, disse que jamais imaginou que pudesse desfilar. Para ela, a timidez atrapalhou um pouco no início, mas no final foi gratificante receber os aplausos das colegas e pretende voltar às passarelas do lado de fora, uma vez que sua pena deve terminar no mês de fevereiro de 2019.  

"Quero estar junta à minha família novamente, fazer um curso técnico em radiologia ou até mesmo em estética e voltar a trabalhar. Acho que um curso técnico pode me garantir um emprego mais rápido", projeta a vencedora do concurso Miss Primavera, que já trabalhou em academia, pizzaria e venda de artesanatos.  

A esperança de Camila é compartilhada com Janaina dos Anjos, de 31 anos, que recebeu o título de Miss Simpatia. Presa há um ano e seis meses, ela espera conquistar o semiaberto no início de 2019 para concluir o curso técnico de enfermagem. Sorridente, Janaina disse sonhar todos os dias com a possibilidade de estar ao lado de seus quatro filhos.  

"Foi emocionante e divertido. Amei cada detalhe. Treinei para fazer carão no espelho e desfilei muito pelos corredores do CR durante a preparação. Quando sair daqui, também quero muito reconquistar a confiança dos meus quatro filhos", resume Janaína, que disse ter desfilado pela primeira vez.  

Já Silvana dos Santos, de 40 anos, eleita a Miss Maturidade, afirma que foi uma surpresa ter participado e ganhado o concurso. Ela está no CR há oito meses e aguarda seu julgamento, porém, não deixa de planejar o futuro fora do Centro de Ressocialização.  

"Quero poder voltar a trabalhar como oficial de cozinha, que é o que eu gosto de fazer. Também quero muito estar ao lado dos meus dois filhos", finaliza Silvana que no CR auxilia no preparo das refeições das colegas.
  

VEJA VÍDEO:  


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Veja também