Aguarde...

ACidadeON Araraquara

Araraquara
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Polícia consegue conter homem que entrou armado na Catedral

Polícia diz que homem estava com problemas financeiros e queria tirar a própria vida, mas foi contido, imobilizado e encaminhado para UBDS Central

| ACidadeON/Ribeirao

De acordo com a Polícia Militar, o homem que entrou armado na Catedral Metropolitana de Ribeirão Preto, no final da tarde desta quinta-feira (21), tentou tirar a própria vida, no entanto, ele foi dissuadido da ideia por policiais que acompanharam a ocorrência. O homem foi levado para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Avenida Treze de Maio para atendimento médico.  

Segundo o Tenente Mario Augusto Ferreira de Freitas, o homem tem 31 anos de idade, e foi até a Catedral pedir uma benção para os padres. O policial afirmou que o homem teria relatado aos religiosos problemas financeiros e que estaria próximo do despejo de casa, quando teria sacado um revolver e colocado conta a própria cabeça.  

A Polícia Militar informa que o homem não chegou a fazer nenhuma ameaça contra os padres que estavam no local, nem contra possíveis fieis que estivessem dentro da igreja. No entanto, não souberam informar se havia mais pessoas dentro do templo.  

"Depois de muito tempo, com as equipes de Força Tática, com equipamento, treinamento, mantivemos um policial, que foi o primeiro que chegou ao local, e já estabeleceu um vínculo de confiança, tentou dissuadir da ideia, até que Graças a Deus e a insistência dos militares ele se entregou, entregou a arma, permaneceu sentado no altar, onde, de imediato, foi atendido pelas equipes do Corpo de Bombeiros", declarou Tenente Freitas, que disse que o homem passa bem.  

Segundo a Polícia, o homem adquiriu a arma da Feira do Rolo. Embora ela tenha numeração, ainda não foi possível identificar a origem do armamento.   

*Notícia atualizada às 19h15, de 21 de março de 2019.

Leia mais: 
Homem armado na Catedral de Ribeirão Preto mobiliza polícia
 


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON