Aguarde...

Política

Deputada é ofendida por engenheiro em restaurante de Araraquara

Márcia Lia (PT) estava com seu marido quando ouviu insultos; caso foi parar na Polícia Civil

| ACidadeON/Araraquara

Márcia Lia procurou a delegacia para registrar a ocorrência. (Foto: Amanda Rocha/ACidadeON)
 ATUALIZADA ÀS 19h28


A deputada estadual Márcia Lia (PT) procurou a Polícia Civil para registrar uma ocorrência alegando ter sido desrespeitada em um restaurante, localizado no Carmo, em Araraquara. O caso ocorreu no último sábado (11) à noite.  

À Polícia, a deputada petista disse que estava no local com seu marido e o autor, um engenheiro de 63 anos, a ofendeu com gritos de "petista safada, vagabunda" e em meio à confusão, precisou do apoio de outras pessoas para acalmar os ânimos.  

O caso foi registrado na Polícia Civil como injúria e ameaça e será investigado. O ACidadeON busca contato com o engenheiro para ouvir sua versão.  

Fala, Márcia! 

A deputada estadual Márcia Lia se manifestou sobre o caso e disse que foi vítima de agressão verbal, no último sábado, em um restaurante de Araraquara, quando estava acompanhada do marido e ao entrar no local, recebeu xingamentos de um senhor pelo fato de ser filiada ao Partido dos Trabalhadores. 

"Fui surpreendida com ofensas, com palavras de ódio e de intolerância. Não podemos admitir essa onda crescente de violência. Divergir de opinião na política ou em qualquer outro campo da vida não pode gerar tamanho descontrole em uma pessoa", afirma Márcia Lia.  

A deputada lavrou Boletim de Ocorrência e disse que buscará reparação legal do agressor.  "É muito desagradável chegar a esse ponto, mas precisa ficar o exemplo. Se este senhor quisesse debater política comigo poderia ter vindo à nossa mesa e questionado o que quisesse, mas xingamentos ninguém pode admitir", finaliza.

Mais do ACidade ON