Publicidade

politica

Contrários ao 'passaporte da vacina' protestam em Araraquara

Cerca de 40 pessoas contrárias a iniciativa estiveram, nesta segunda-feira (17), na frente da Câmara Municipal

| ACidadeON/Araraquara -

 


 

Contrários ao passaporte da vacina se reuniram na frente da Câmara de Araraquara na tarde desta segunda-feira (17) para marcar posição e tentar barrar a votação prevista para acontecer na sessão ordinária desta terça-feira (18), às 15 horas. 


O assunto está sendo discutido pelo Legislativo desde a última quinta-feira (13), quando a Prefeitura protocolou o projeto de lei que prevê a obrigatoriedade na cidade. A sugestão da lei foi apresentada pelo vereador Guilherme Bianco (PC do B).  

 

LEIA TAMBÉM 

Projeto de lei pode obrigar passaporte da vacina em Araraquara; entenda 

Multa do passaporte da vacina pode chegar até R$ 6 mil

Os manifestantes são contra a exigência do comprovante vacinal no comércio e alegam que o projeto foi encaminhado com urgência, mas sem tempo para análise dos vereadores. O receio é que as pessoas não vacinadas consumam em outros municípios. 


Presente no evento e contrário a iniciativa, o vereador Lineu Carlos de Assis (Podemos) afirmou que o passaporte da vacina não vai ter serventia. Ele também aproveitou para criticar o prefeito de Araraquara, Edinho Silva (PT). 

Pequeno grupo foi até a Câmara Municipal protestar contra o passaporte vacinal - Foto: Guilherme Leal/CBN Araraquara


96,38% IMUNIZADOS
Ao todo, desde o início da vacinação, Araraquara aplicou 475.506 doses de vacina contra a covid, sendo 201.575 para 1ª dose, 197.970 para 2ª dose e 75.961 para 3ª dose.  

Considerando o público-alvo de 205.394 pessoas - segundo o IBGE -, Araraquara possui 98,14% das pessoas com uma dose de vacina, 96,38% imunizadas com duas doses e 36,98% com dose de reforço.

Mais notícias


Publicidade