ACidadeON

Esportes

Tunísia bate Panamá por 2 a 1, quebra tabu de 40 anos e faz 2.500º gol das Copas

futebol Copa do Mundo Rússia 2018 Panamá Tunísia

| Estadao Conteudo

A Tunísia voltou a vencer um jogo de Copa do Mundo depois de 40 anos ao bater o Panamá por 2 a 1, nesta quinta-feira, na Arena Mordovia, em Saransk, pela terceira rodada do Grupo G, que encerrou também a primeira fase do Mundial da Rússia. Festa tunisiana e decepção panamenha, que sai de sua primeira Copa com três derrotas e apenas dois gols marcados. A partida também marcou o gol de número 2.500 dos Mundiais. As duas equipes já estavam eliminadas.

O último triunfo da Tunísia no torneio havia sido os 3 a 1 sobre o México, em 1978. Aliás, até então era única vitória do país na competição, em 14 jogos. O jogo também marcou a despedida do zagueiro Felipe Baloy da seleção panamenha. O jogador de 37 anos, do CSD Municipal, da Guatemala, não entrou na partida. Mas, como prêmio de consolação, fez o primeiro gol do país em Copa - na goleada por 6 a 1 sofrida para a Inglaterra, no último domingo.

Os dois times entraram com muitos reservas para fazer os jogadores terem a experiência de jogarem uma Copa do Mundo. A partida, que já não era das mais atrativas, perdeu ainda mais em qualidade técnica. A Tunísia se mostrou melhor. Com 64% de posse de bola, tomou a iniciativa. Chegou com mais perigo. Só no primeiro tempo foram sete chutes, três no alvo, fazendo o goleiro Penedo trabalhar.

Apesar do domínio, foi o Panamá que abriu o placar. Aos 32 minutos, José Rodríguez bateu de fora da área, a bola desviou em Meriah e enganou Mathlouthi para morrer no fundo das redes. Rodrigues saiu comemorando, na esperança de ser o segundo a ter marcado um gol na história do país em Mundiais, mas o árbitro Nawaf Shukralla, do Bahrein, anotou gol contra. Foi o único chute panamenho à meta adversária na primeira etapa.

No segundo tempo, o técnico do Panamá, o colombiano Hernán Darío Gómez, tirou o atacante Gabriel Torres e colocou o zagueiro Cummings para reforçar o sistema defensivo e segurar a vitória. Mas o treinador da Tunísia aumentou o poderio ofensivo com o meia Badri no lugar do volante Sassi.

Resultado: empate tunisiano logo aos 5 minutos. Sliti fez boa jogada e tocou para Khazri, que cruzou para o centroavante grandalhão Ben Youssef empurrar para o gol. Um gol histórico, o de número 2.500 na história das Copas do Mundo.

Depois do empate, Hernán Darío Gómez quis consertar o erro e inverteu a substituição anterior. Desta vez, tirou o zagueiro Roman Torres e colocou o atacante Tejada. Mas não deu certo. Aos 20 minutos, a Tunísia virou. O atacante Khazri recebeu passe de Haddadi dentro da pequena área e completou para o gol vazio.

Em seguida, os panamenhos fizeram o segundo gol, em um belo arremate de Bárcenas. Mas a jogada já havia sido parada uma falta de Tejada no lance anterior. No fim, o Panamá não teve força para empatar e a Tunísia conquistou a sua segunda vitória em Copas do Mundo.

FICHA TÉCNICA

PANAMÁ 1 x 2 TUNÍSIA

PANAMÁ - Jaime Penedo; Adolfo, Román Torres (Tejada), Fidel Escobar e Ovalle; Gabriel Gómez, Anibal Godoy, Ricardo Ávila (Arroyo), Edgar Bárcenas e José Rodríguez; Gabriel Torres (Cummings). Técnico: Hernán Darío Gómez.

TUNÍSIA - Aymen Mathlouthi; Hamdi Nagguez, Bedoui, Meriah e Haddadi; Chaaleli, Ellyres Skhiri, Sassi (Badri) e Sliti (Khalil); Ben Youssef e Wahbi Khazri (Srarfi). Técnico: Nabil Maaloul.

GOLS - Meriah (contra), aos 32 minutos do primeiro tempo; Ben Youssef, aos 5, e Khazri, aos 20 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Ricardo Ávila, Gabriel Gómez e Tejada (Panamá); Sassi, Badri e Chaaleli (Tunísia).

ÁRBITRO - Nawaf Shukralla (Fifa/Bahrein).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Arena Mordovia, em Saransk (Rússia).

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários