19 de maio de 2024
- Publicidade -
Tudo Notícias

Dirceu avalia atual governo Lula como sendo de “centro-direita”

Ex-ministro é do mesmo partido que o presidente e explicou que isso se deve ao atual momento histórico e político

josé dirceu
José Dirceu foi condenado pelo mensalão e Lava Jato (Foto: Wikimedia Commons)

José Dirceu (PT), ex-ministro da Casa Civil, falou que avalia o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva como sendo de “centro-direita”. A declaração foi feita nesta segunda-feira (22), durante o Seminário Brasil Hoje, da Esfera Brasil.

Nas palavras do político, “Não é um governo de centro-esquerda, não, é um governo de centro-direita. Eu falo isso e todo mundo fica indignado, às vezes, dentro do PT. O PP e parte do PL, de certa forma, estão na base do governo. Essa é a exigência do momento histórico e político que estamos vivendo”.

LEIA MAIS

Barroso aponta legalização de drogas leves como tendência mundial

Festival de Cannes exibirá documentário sobre Lula

Após a repercussão, em nota à imprensa, a assessoria do também ex-deputado federal “esclareceu” que, na avaliação de Dirceu, o terceiro mandato de Lula é apoiado por “forças de direita”. Segundo a assessoria, a estratégia é para “consolidar uma maioria no Congresso e conquistar uma base social mais ampla, já foi externada inclusive em entrevistas do ex-ministro à imprensa”.

- Publicidade -

Avaliações

No evento, o ex-ministro ainda analisou a atual polarização política, que atribuiu a radicalização e a polarização ao “fundamentalismo religioso” propagado pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) durante manifestações como a deste domingo (21).

“Acredito que o Lula não optou pela polarização ou radicalização Por que o Brasil está radicalizado, polarizado? Por causa do discurso que foi feito ontem no Rio de Janeiro, que é fundamentalismo religioso com ataque a democracia. E, ainda, chamando a direita internacional, a direita norte-americana, não só como do ex-presidente Trump, quanto do Musk.”

Em seguida, Dirceu voltou a reforçar que o programa do governo Lula não é um “programa de esquerda”. “Qual é o desafio que o Brasil tem? Primeiro, o Brasil está virando um país de partidos político. Quem está puxando isso nem somos nós da esquerda, são os partidos de centro-direita que estão se constituindo, só não vê quem não quer.”

Quem é José Dirceu?

O ex-ministro foi condenado pelo mensalão e na Lava Jato, tendo o mandato cassado em 2005. As condenações dele aconteceram:

  • 2006 – responsável por liderar o esquema de pagamento de propinas a parlamentares, o mensalão
  • 2012 – condenado a dez anos e dez meses de reclusão por formação de quadrilha e corrupção ativa

Pela Lei da Ficha Limpa, Dirceu está inelegível e não pode tomar posse em cargos públicos. Ainda assim,  o ex-ministro afirmou que não descarta uma candidatura a deputado federal em 2026. Após o evento da Esfera Brasil, o petista disse que voltar à Câmara dos Deputados é uma “questão de justiça”, além de que tomará decisão sobre ser candidato, juntamente com o PT, no segundo semestre do ano que vem.

- Publicidade -

*Com informações de Agência Estado

**Sob supervisão de Marcos Andrade

LEIA TAMBÉM

Batata frita na panela de pressão; veja como fazer

Janaína Boaventura
Estagiária no Tudo EP e nA Cidade ON, é graduanda em Estudos Literários pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Adentrou no Grupo EP em 2024 e atua nos conteúdos digitais, enfaticamente com a parte textual.
- Publicidade -
plugins premium WordPress