22 de julho de 2024
- Publicidade -
Tudo Saúde

Quando se deve tomar a vacina de coqueluche?

Casos de coqueluche crescem 768,7% em comparação com o mesmo período no ano passado; saiba quando tomar a vacina

Casos de coqueluche crescem 768,7% em comparação com o mesmo período no ano passado. (Foto: Reprodução/Agência Brasil)

Nesta quinta-feira (13), o governo de São Paulo emitiu um alerta para alta de casos de coqueluche. Até o dia 8 de junho, foram registrados 139 pacientes com a doença, o que equivale a um aumento de 768,7% em comparação com o mesmo período no ano passado, quando foram feitos 16 registros.

Caracterizada por uma infecção respiratória causada pela bactéria Borderella pertussis, a coqueluche é altamente contagiosa e afeta principalmente bebês de até um ano. Atualmente, a principal forma de prevenção é a vacina, porém, a cobertura vacinal para o imunizante está em 76,3%, em São Paulo.

Quando se deve tomar a vacina de coqueluche?

Conhecida como pentavalente, a vacina contra a coqueluche deve ser aplicada aos dois, quatro e seis meses de idade da criança, com intervalos de 60 dias entre as doses. O imunizante está disponível nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e nas AMAs (Assistências Médicas Ambulatoriais).

Além disso, a dTpa (vacina adsorvida difteria, tétano e coqueluche) da rede pública é recomendada para gestantes e profissionais da saúde. Ainda vale destacar que o DPNI (Departamento do Programa Nacional de Imunizações) ampliou de forma excepcional a vacinação dos profissionais de berçário e creches que atendem crianças de até 4 anos.

LEIA TAMBÉM

O chip da beleza é bom para mulheres?

O que causa uma tromboembolia pulmonar?

- Publicidade -

Quais são os sintomas?

Crises de tosse seca
Febre baixa
Corrimento nasal
Mal-estar

LEIA MAIS

- Publicidade -

O que aconteceu com idosa que desapareceu no Aeroporto de Natal?

Compartilhe:
Larissa de Morais
Formada pela Universidade São Francisco, é repórter no Tudo EP | ACidade ON, site de entretenimento da EPTV, onde também foi assistente de mídias digitais e estagiária de jornalismo. Com passagem por sites de entretenimento e jornalismo independente, tem experiência em redação de material jornalístico para editorias de diferentes segmentos de hard e soft news e em produção de conteúdo para a internet.
- Publicidade -
plugins premium WordPress