Aguarde...

ACidadeON Araraquara

boa

Maçã do amor: o clássico reinventado

Das festas juninas aos aniversários infantis, a maçã do amor conquista adoradores de todas as idades, dos paladares mais tradicionais aos supercriativos

| ACidadeON/Ribeirao

A maçã do amor é legitimamente brasileira (Foto: Weber Sian / ACidade ON Ribeirão)
A época está propícia: festa junina, quentão, curau de milho, friozinho e, claro, maçã do amor, a grande atração da temporada. O doce legitimamente brasileiro ainda rouba suspiros de crianças apaixonadas pela cor da iguaria e de adultos que relembram lindos momentos da infância.  

E, já que estamos no interior, nada mais justo do que levar os holofotes a essa delícia que, embora hoje seja símbolo das festas juninas, surgiu com a criatividade de um imigrante catalão que precisava, desesperadamente, sustentar a família na década de 1950.  

José Maria Ferre Angles é o empreendedor em questão, que desembarcou em terras brasileiras em 1952. Com problemas financeiros, Angles criou o doce para vender pelas ruas de São Paulo, já que a maçã era uma fruta barata e encontrada em qualquer lugar. Adicionou uma calda cristalizada de açúcar com corante vermelho e espetou um palito para facilitar o consumo.  

A ideia, segundo estudiosos da história da gastronomia brasileira, é uma mistura do conceito das frutas caramelo. E pronto, por conta da necessidade de dinheiro, surgia então um dos doces brasileiros mais famosos e populares de toda a história.  

A estrela do arraiá  

Em Ribeirão Preto, uma das receitas que fazem jus à tradição é a maçã do amor do Park do Gorilão. Iguaria aguardada pelos participantes do Arraiá do parque, que acontece todo ano, a maçã do amor guarda muito mais do que a receita de um doce tipicamente brasileiro. A maçã do amor gigante se tornou uma das atrações gastronômicas do local, atraindo pessoas de diferentes cidades da região. 

"A receita original da maçã do amor gigante tem mais de 50 anos e foi trazida da França por um amigo de um dos fundadores do Park do Gorilão. Além de um sabor especial, ela é feita com maçãs selecionadas, pois são bem maiores que as demais", explica a assessoria de comunicação.  

Segundo o parque, entre junho e julho são comercializadas em média 2 mil unidades. No entanto, o doce é vendido durante todo o ano no complexo do Gorilão. 
 
Parque infantil chega a comercializar 2 mil unidades entre junho e julho  (Foto: Divulgação)
Maçã do Amor 3.0  

A fotógrafa de festas infantis e confeiteira Ângela Oliveira Alves Carvalho, de Ribeirão Preto, deixou de integrar o time das tradições doceiras. Após sofrer uma séria queimadura com a calda de açúcar que espirrou em seu braço, Ângela decidiu usar a criatividade e desenvolveu maçãs do amor cheias de estilo e personalidade.  

Segundo ela, a ideia de reinventar a maçã do amor veio da necessidade de criar um produto que fosse bonito, saudável e verdadeiramente gostoso, já que seu público, geralmente, são as festas infantis de seus clientes.  

"Geralmente nas festas de criança só há doces com muito açúcar, sem nenhum valor nutricional. Hoje, as mães se preocupam muito com isso. Com a evolução da personalização das festas, é muito bacana adaptar e criar maçãs de acordo com o tema usando pasta americana e chocolate de qualidade, muito mais saudável do que o açúcar", diz. 

Mesmo oferecendo as maçãs do amor durante o ano todo e, segundo a confeiteira, tendo uma ótima procura, é nas festas juninas que o doce ganha mais atenção. "Mesmo sabendo que não faço mais a maçã com a calda tradicional de açúcar, as clientes decidem explorar os outros sabores com pasta americana e chocolate com confeitos coloridos. É uma opção muito saborosa, fica uma delícia!", explica.  

Para Ângela, a maçã do amor é uma ótima ideia para inserir frutas na alimentação da criança. "A casquinha de chocolate é tão fininha que a quantidade que a criança está ingerindo basicamente a fruta e pouquíssimo açúcar. Se você tiver criatividade e tempo, com os utensílios certos, dá pra usar muito a criatividade". 
 
Ângela recriou o doce, deixando um novo visual (Foto: Arquivo Pessoal)

RECEITA
Maçã do amor de chocolate por Ângela Oliveira Alves Machado  

Ingredientes: 
- 6 maçãs médias (gala ou nacional)
- 6 palitos de sorvete
- Papel manteiga
- 400 g de chocolate fracionado (o chocolate fracionado é uma mistura de chocolate hidrogenado e chocolate tradicional, não necessita de choque térmico e facilita bastante o banho das maçãs. Também é bem saboroso, desde que você use um de boa qualidade. Hoje em dia você consegue encontrar da marca Nestlé ou Garoto em lojas próprias de produtos de festa).
- Confeitos coloridos a sua escolha. Você também pode soltar a imagina e usar castanhas trituradas, coco, coco queimado, açúcar colorido entre outras coisas pra deixar sua maçã ainda mais deliciosa. 

Modo de fazer:
Comece lavando muito bem as maçãs e colocando para secar. Depois, insira o palito de sorvete na maçã e a leve à geladeira por uns 10 minutos. Enquanto isso, leve o chocolate em um recipiente plástico ou de vidro ao micro-ondas por 1 minuto, aproximadamente, na potência 7. 

Retire o recipiente e mexa. Leve novamente ao micro-ondas por mais 30 segundos na mesma potência. Retire e mexa até que o chocolate esteja totalmente derretido e bem fluido.
Banhe a maçã do chocolate até cobri-la totalmente. Espere escorrer bem e cubra com confeitos coloridos. Coloque sua maçã pra secar sobre papel manteiga sob uma superfície lisa. Espere ela estar totalmente seca e pronto! 
 

Ângela desenvolveu maçãs do amor com estilo e personalidade (Foto: Weber Sian / ACidade ON Ribeirão)


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON