Aguarde...

ACidadeON

Voltar

Cotidiano

Para a alegria de Elias, 'Geladeira Comunitária' está de volta

Moradores de rua e pessoas carentes poderão novamente pegar alimentos de graça

| ACidadeON/Araraquara

Amanda Rocha/ACidadeOn Araraquara
Elias é um dos beneficiados da iniciativa (Amanda Rocha/ACidadeOn Araraquara)

 

Com dois filhos para sustentar, o jardineiro Elias Gomes, de 24 anos, não pensa duas vezes em levar para a casa duas marmitas retiradas da ‘Geladeira Comunitária’. Elas acabavam de chegar doadas de um restaurante da cidade. As quentinhas vão alimentar ele, a esposa e os dois filhos pequenos essa noite.

Hoje Elias tem emprego, mas já houve dias em que saía do Jardim Del Rey e ia de bicicleta até o Santa Angelina para pegar as refeições. Após conseguir um trabalho, hoje ele está dando conta de pagar o aluguel e viver de forma mais digna com sua família, embora ainda precise de ajuda. Seu sonho, é um dia poder chegar até a geladeira e em vez de tirar, colocar alimentos para ajudar o próximo.

“A geladeira ajuda as pessoas que estão precisando. Dá um apoio aos que moram na rua e estão com fome. É algo muito bom que ele fez”, comenta.

Para a alegria de Elias e muitos outros moradores de rua e pessoas carentes, a Geladeira Comunitária está de volta. Dessa vez para não mais sair. Segundo Edinan Dalle Piagge, proprietário da padaria onde ela está instalada, o objetivo de chamar a atenção da cidade foi conseguido.

Ainda falta a segurança
Além de cobrar por mais segurança na região da Praça do Faveral, ele e os demais moradores pedem para a área verde seja mais bem cuidada, além de receberem equipamentos de academia ao ar livre para que as pessoas possam fazer atividades físicas.

“Não deu para ficar por muitos dias sem a geladeira. A população que precisa vinha aqui e não tinha. Espero que fique por muito mais tempo aqui”, diz o comerciante.

Até o momento, segundo Dalle Piage muitos vereadores foram conversar com ele sobre o assunto, mas garante que não notou um aumento na segurança pública no entorno da Praça do Faveral, mas ainda acredita que isso pode mudar.

Amanda Rocha/ACidadeOn Araraquara
Edinam e Elza 'coordenam' entrega das marmitas (Amanda Rocha/ACidadeOn Araraquara)

 

Moradores vão colaborar
Após uma reunião que contou com cerca de 30 moradores do Santa Angelina no domingo (19), uma grande mobilização tem reunido pessoas em prol da Geladeira Comunitária. Já há um grupo no WhatsApp e a ideia é que mais voluntários se unam para ajudar no transporte das marmitas.
 

Mais do ACidade ON