Aguarde...

cotidiano

Araraquara registra aumento na migração de alunos para escolas municipais

A pandemia do coronavírus afetou o orçamento das famílias e acabou motivando estas transferências

| ACidadeON/Araraquara

Araraquara registra aumento na migração de alunos para escolas públicas (Foto: Divulgação/Governo de SP)
 
A pandemia do novo coronavírus causou severos prejuízos à economia, gerando desemprego em diversos setores e sofrimentos para muitas famílias. Um dos reflexos dessa crise pode ser percebido na migração de alunos de escolas da rede particular para a pública. Sem dinheiro para pagar mensalidades, muitos pais optaram pela transferência.

Dados da Secretaria Municipal de Educação de Araraquara revelam que entre março e agosto deste ano, 77 alunos da rede particular da cidade migraram para a rede municipal de ensino. A parte mais expressiva dessa transferência está na rede infantil. Foram 53 novas matrículas realizadas no período.

De acordo com a chefe da pasta, Clélia Mara Santos, as transferências são maiores no nível infantil, já que há mais escola desse tipo na cidade. No total, são 43.
 
"Temos unidades de educação infantil estamos em todas as localidades, já na educação infantil estamos em bairros mais afastados para suprir a demanda destas localidades", diz ela.

Em Araraquara são 14 escolas municipais que oferecem o ensino fundamental. Desde o início da pandemia, foram 25 transferências de alunos vindos de escolas particulares desse nível. Em menor número, as escolas fundamentais municipais estão mais afastadas da região central da cidade, o que explicaria a menor transferência.
 
"Isso tem muito sentido em relação onde nós estamos com as unidades de ensino fundamental. Quem está na escola particular dificilmente mora nos bairros mais afastados onde temos essas escolas e trabalhamos com georreferenciamento e a matricula depende do local de moradia", explica Clélia.

A secretária municipal de educação de Araraquara, garante que não haverá nenhum ajuste estrutural nas escolas da rede para atender os novos alunos e que há vagas para quem optar pela transferência.

Desde o início da pandemia, as aulas em Araraquara estão suspensas. Por segurança, o município não autorizou o início das atividades não curriculares neste mês de setembro, conforme liberação do governo estadual. As aulas seguem de forma virtual até nova decisão do comitê que gerencia a pandemia em Araraquara. 
 
ESTADO
Na rede estadual, o número transferência da rede particular entre abril e junho deste ano aumentou cerca de 98% em relação ao mesmo período de 2019 levando em conta todo o Estado, segundo números da Secretaria Estadual da Educação. A quantidade de transferências com esse perfil saltou de 3.762 para 7.439.  

A pandemia de covid-19 foi a principal responsável pelo salto, de acordo com a pasta. Entretanto, em Araraquara, não houve aumento de transferência para a rede estadual. Foram 90 casos registrados no ano passado contra 77 registrado neste ano, Os números são de janeiro a agosto.

Mais do ACidade ON