Aguarde...

Esse ano votaremos nos

Eleições

Eleições em Araraquara tem número recorde de abstenções

Número de eleitores que deixaram de ir às urnas é maior que em 2016, quando 23,8% não votaram

| ACidadeON/Araraquara

Mais de 50 mil araraquarenses deixaram de ir às urnas (Foto: Weber Sian / ACidade ON)
 

As eleições em Araraquara registram um número recorde de abstenções. É que finalizada a apuração, neste domingo (15), o número de eleitores que deixaram de comparecer às urnas foi de 31,14%, maior do que em 2016, quando 23,8% não foram votar.
A análise histórica dos dados apontam que nos últimos anos este número é crescente. Isso porque, a 20 anos atrás, em 2000, o número de eleitores que não votaram foi de 14.723 eleitores, ou 12,48%. Este número, para 2016, mais que dobrou, indo para 38.996.  

Em meio à pandemia da covid-19, havia expectativa de diminuição no número de votantes, o que se confirmou, já que 55.326 deixaram de comparecer. Na avaliação do cientista político e colunista do ACidade ON, Bruno Silva, o aumento era esperado por causa de três fatores.

"O primeiro deles, devido à pandemia da covid-19 que afastou diversas pessoas das urnas, associada à maior facilidade para justificativa do voto via aplicativo da Justiça Eleitoral (E-Título), a despeito das instabilidades no sistema verificadas ao longo do dia. O segundo fator diz respeito à falta de interesse de muitos cidadãos nas eleições municipais em si, expressa no desconhecimento de muitos, às vésperas do pleito, acerca dos candidatos e das opções de projetos a serem escolhidas para os próximos anos. Por último, o terceiro fator está relacionado à sensação de cansaço de setores crescentes na sociedade a respeito da capacidade das eleições trazerem à tona transformações que possam ser sentidas em suas vidas a partir da ação dos políticos. Aqui em Araraquara, há crescimento contínuo nos últimos 20 anos acerca das abstenções eleitorais, as quais praticamente dobraram entre as eleições de 2000 e 2016, nas quais passou de 12,5% para 23,8%, respectivamente", finaliza. 

RESULTADO ELEITORAL
Dos mais de 105 mil eleitores que decidiram ir às urnas, 48.405 votaram em Edinho Silva (PT), que foi reeleito para um quarto mandato a frente da Prefeitura de Araraquara. Doutor Lapena (Patriota) teve 34.774 votos, enquanto professor Coca Ferraz (PSL) teve 8.033. Coronel Adalberto (Republicanos) - 3.102 -, Nino Mengatti (PSB) - 2.803 -, Célio Peliciari (PSOL) - 2.391 -, Rodrigo Ribeiro (PRTB) - 1.663 - Fernando Fraga (PTB) -771 -, e Tiago Pires (PCO) -113 -, completam a lista.


Mais do ACidade ON