Aguarde...

ACidadeON

Voltar

Política

Tenente Santana nomeia coronel da PM pra Ouvidoria da Câmara

João Batista de Souza Junior foi nomeado e iniciou atividades nesta segunda-feira (10)

| ACidadeON/Araraquara

Câmara Municipal de Araraquara tem novo Ouvidor (Foto: Amanda Rocha/ACidadeON)

Novo Ouvidor
A Câmara de Araraquara tem um novo ouvidor. Após polêmica envolvendo a nomeação do ex-vereador Aluisio Braz, o Boi (MDB), em 2019, e uma temporada com funcionário de carreira a frente do órgão, o presidente da Casa, tenente Santana (MDB) nomeia o coronel da Polícia Militar João Batista de Souza Júnior como responsável pela função. A nomeação ocorreu ainda na sexta-feira (7), porém, o novo ouvidor assumiu o cargo nesta segunda-feira (10).  

Fala, Santana!
Ao ACidade ON, Santana disse que o novo ouvidor é uma indicação técnica ao cargo, já que o novo postulante possui formação superior em direito e pós-graduação na área de administração pública. "Fiz o convite, ele pensou uns dias e depois acabou aceitando. Ele não tem vínculo partidário, não está filiado a nenhum partido, não é político, uma pessoa extremamente técnica. E vai preencher o quadro da ouvidoria com as suas particularidades", explica.  

Fala, João Batista!
O novo ouvidor do Legislativo tomou pé das coisas nesta segunda-feira (10). O órgão deve ocupar um espaço no Anexo da Câmara, que fica localizado na Avenida Duque de Caxias, no Centro. Segundo Souza Júnior a ideia é integrar a Ouvidoria com os demais órgãos. "Tem o sistema federal que chama eOuve, então queremos nos integrar, passar a trabalhar bastante o Serviço de Informação ao Cidadão (SIP), fazer os devidos registros e dar retorno às pessoas do que elas demandarem do órgão", disse.  

Quem é João Batista
O novo ouvidor da Câmara é coronel reformado da Polícia Militar há cerca de cinco anos, com atuação em Araraquara, no Comando Geral da PM, além de São José do Rio Preto e Piracicaba. Além da carreira militar, João Batista cursou direito e se especializou em competências gerenciais públicas, pela Universidade Estadual Paulista (Unesp). No fim do governo Marcelo Barbieri (MDB) desempenhou função de Secretário Municipal de Segurança Pública.   

João Batista, ao lado do prefeito Edinho Silva (PT) e tenente Santana (MDB) durante sanção de Lei na Prefeitura (Foto: Divulgação)

O que faz?
A função do Ouvidor da Câmara é receber e apurar denúncias, reclamações e representações sobre atos considerados ilegais, arbitrários, desonestos, ou que contrariem o interesse público, praticado por agentes e servidores da Câmara. É função ainda do Ouvidor apurar contribuições da população quanto a formulação de políticas legislativas, encaminhando-as à presidência. Uma nova função também foi incluída no início deste ano, que é o de ser responsável por responder as demandas de informações solicitadas ao Legislativo quanto a transparência.  

Pompa e salário
O cargo de Ouvidor da Câmara chama a atenção pela pompa e salário, que chega próximo a R$ 8 mil, que somados aos benefícios de férias, 13º salário e vale alimentação de R$ 835 podem superar até mesmo o subsídio recebido pelos vereadores do Legislativo.

Mais do ACidade ON