Aguarde...

Vacinas

Vacina: Holambra abre agendamento para pessoas a partir de 60 anos

Público deve fazer o cadastro on-line a partir das 14h por meio do site da prefeitura; imunização contra o coronavírus será na quarta e quinta-feira

| ACidade ON - Circuito das Águas

Holambra abre agendamento para a vacinação de pessoas a partir de 60 anos (Foto: Divulgação/ Assessoria de Holambra)
Holambra abre nesta terça-feira (4), às 14h, o agendamento on-line para a vacinação contra a covid-19 para moradores a partir de 60 anos. As pessoas devem ter em mãos o Cartão Cidadão. O sistema deverá ser acessado por meio do site em www.holambra.sp.gov.br. Depois é só clicar na aba "agendamento de vacinação".

De acordo com o departamento de Saúde, será um total de 440 vagas disponíveis para a imunização, que acontece na quarta-feira (5) e na quinta-feira (6), entre 7h e 16h. A aplicação das doses será no salão da Terceira Idade, na Rua Muscaris, 99, no bairro Morada das Flores.

CONFIRA COMO AGENDAR
*Acesse a plataforma com o número do Cartão Cidadão;
*Insira a data de nascimento, somente com números (exemplo: 01011960)


FIQUE LIGADO! 

Moradores sem o Cartão Cidadão podem solicitá-lo no Centro de Referência da Assistência Social (Cras), na Praça dos Pioneiros, na região central, das 8h às 11h30 e entre 13h e 16h. "Quem tiver dificuldades para acessar o sistema de agendamento pode solicitar auxílio dos agentes de saúde no Posto de Saúde Familiar (PSF) mais próximo de casa", explica o diretor de Saúde, Valmir Marcelo Iglecias.

Segundo ele, para receber a dose, é preciso ir até o local de vacinação no horário marcado, com um documento oficial com foto, Cartão Cidadão e o protocolo gerado no momento do agendamento. "Só serão imunizados os moradores que realizarem o agendamento. Para evitar aglomerações pedimos que respeitem o horário, cheguem com, no máximo, 10 minutos de antecedência e só levem acompanhante se realmente for necessário", acrescenta.

Holambra vacinou até o momento 1.477 pessoas acima de 63 anos com a primeira dose do imubizante contra o novo coronavírus, o que corresponde a 65,46% da população desta faixa etária.



Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON