15 de julho de 2024
- Publicidade -
EP Agro

Pesquisadores buscam maneiras de conter o crescimento do greening nas lavouras

Ano passado, somente na região de São Paulo e no Triângulo/Sudoeste de Minas Gerais, mais de 77,22 milhões de árvores foram afetadas pela doença

Ano passado, somente na região de São Paulo e no Triângulo/Sudoeste de Minas Gerais, mais de 77,22 milhões de árvores foram afetadas pela doença. (Foto: Pexels)

O greening, também conhecido como HLB (Huanglongbing), é uma das doenças mais destrutivas da agricultura. Considerada uma das mais prejudiciais para a citricultura, a bactéria afeta os pomares de forma que novas árvores deixam de produzir, enquanto as que já estão em produção começam a definhar.

Somente no ano passado, aproximadamente 38% de laranjeiras na região de São Paulo e no Triângulo/Sudoeste de Minas Gerais foram atingidas pelo greening. De acordo com o Fundo de Defesa da Citricultura (Fundecitrus), esse número é 56% superior ao índice de 2022, sendo também o maior aumento em pontos percentuais registrados desde 2008.

LEIA TAMBÉM

Por que o leilão de arroz foi anulado?

Morador de Maria da Fé (MG) cria plataforma que auxilia olivicultores de todo o país 

No entanto, não é apenas o Brasil que sofre com essa doença. Mais de 130 países tem suas plantações contaminadas pela bactéria. Nos Estados Unidos, por exemplo, foram gastos cerca de US$ 2 bilhões para conter a disseminação deste problema.

Para competir com a Flórida, principal rival do Brasil quando se trata do cultivo de laranjas, a BRANDT Brasil, empresa agrícola líder que atende agricultores globalmente, organizou uma viagem para que técnicos brasileiros possam tirar conhecimentos das pesquisas conduzidas pelos norte-americanos.

- Publicidade -

Algumas estratégias desenvolvidas foram:

  • Testes de injeções no tronco com o uso do antibiótico OTC (oxitetraciclina);
  • Proteção das plantas por meio de telas IPCs e aplicação dse Brassinosteróides;
  • Modificação genética de plantas para controlar o vetor do HLB;
  • Uso de reguladores vegetais e precursores de hormônios vegetais.

É de conhecimento global que o greening é um dos maiores desafios enfrentados atualmente na agricultura. Entretanto, é possível reverter essa situação, contando que a indústria citrícola continue a cooperar e compartilhar os conhecimentos de proteção aos laranjais, afirma Lucas Manfrin, Gerente Comercial da BRANDT.

LEIA MAIS

Brasil é importante ator na cadeia de produção e consumo de biocombustíveis  

- Publicidade -
Compartilhe:
Avatar
Estagiária no Tudo EP e a A Cidade ON, é graduanda em Produção Audiovisual pela ESAMC. Adentrou no Grupo EP em 2023 e atua nos conteúdos digitais, enfaticamente com a parte textual.
- Publicidade -
plugins premium WordPress