Aguarde...

ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

Cães e gatos também devem doar sangue para salvar vidas

Além de fazer o bem, vantagem para os pets doadores é que em muitos centros eles ganham check up como cortesia, incluindo exames como hemograma completo

| Especial para ACidade ON

  

Graças a doação de sangue, Baruck sobreviveu para poder ser tratado
O Dia Nacional do Doador de Sangue é comemorado em 25 de novembro, mas a data não serve apenas para os humanos. Cães e gatos também devem ser doadores, para salvar a vida dos pets que precisem de transfusão. Conscientizar sobre a necessidade do procedimento faz a diferença entre a vida e a morte. Tanto é que a baixa de estoque das bolsas não é algo recorrente apenas nos hemocentros humanos.  

Além de fazer o bem, outro benefício para os pets doadores é que em muitos centros eles ganham check up como cortesia, incluindo, por exemplo, hemograma completo, exames hepático e renal. 
 
Situações comuns como atropelamentos, intoxicações e cirurgias podem levar à necessidade de bolsas.   

"Enfrentamos diariamente a falta de sangue de cães e gatos para transfusão", afirma o médico-veterinário Thomas Faria Marzano, presidente da Comissão Técnica de Clínicos de Pequenos Animais do Conselho Regional de Medicina Veterinária de São Paulo (CRMV-SP) - órgão de fiscalização do exercício profissional dos médicos-veterinários e zootecnistas do Estado de São Paulo. 

"Ampliar o cadastro de doadores possibilita atendimentos mais ágeis para a transfusão, aumentando as chances de salvarmos um maior número de animais", declara. 

Um cachorro, que chegou a comer objetos de tanta fome e foi resgatado quase morto este mês, em Campinas - uma das cidades mais abastadas de SP, o Estado mais rico da Federação -  só sobreviveu para poder ser tratado graças à transfusão de sangue. 

Estava caído em uma calçada, e está internado no Vida Animal, em Jundiaí. Além de inanição, foi detectado problema nos rins. 

Foi resgatado pela enfermeira Marynes Silva, do Abrigo Adorável Vira-Lata, Proteção e Amor, que precisa de ajuda urgente para poder seguir ajudando-o. Além dos custos veterinários, a protetora necessita de ração renal, medicamentos e vitaminas C e D para Baruck - WhatsApp (19) 992705779. 
 
Baruck recebendo tranqfusão sanguínea 
Só São Paulo, estima-se que sejam usadas cerca de 20 mil bolsas por mês em hospitais veterinários.

Existem bancos de sangue veterinários particulares e universitários que recebem o cadastro de doadores durante todo o ano. Em Campinas, por exemplo, existe o Centro Veterinário Cambuí e o VetPat.  
 




Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Veja também