Aguarde...

ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Exército proíbe alunos na Olimpíada de História da Unicamp

Exército alega que prova entra em conflito com calendário pedagógico e também "por não atender à Proposta Pedagógica do Sistema"

| ACidadeON Campinas

Fase presencial da Olimpíada Nacional em História do Brasil, em Campinas
O DECEx (Departamento de Educação e Cultura do Exército) impediu a participação de alunos de colégios militares brasileiros na Olimpíada Nacional de História, da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas).

Em nota oficial, o Exército informa que "não será possível a manutenção da participação dos alunos do Sistema Colégio Militar do Brasil (SCMB) na XI Olimpíada Nacional de História do Brasil, em face de conflitos com nosso Calendário Pedagógico e por não atender à Proposta Pedagógica do Sistema".

A quantidade de alunos que serão vetados de participar e de quais colégios não foram informados. A Olimpíada está em sua 11ª edição e é um projeto criado pelo Departamento de História da Unicamp.

Realizada em Campinas anualmente, a prova tem seis fases on-line e uma última fase presencial, em agosto, na Unicamp. Mais de 50 mil alunos dos ensinos fundamental e médio participam todos os anos da prova.

A Olimpíada tem apoio ainda do MCTIC (Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações) e do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico). A organização da prova é feita por docentes, alunos de pós-graduação e graduação da História da Unicamp.

Em nota oficial, a Olimpíada Nacional em História do Brasil informou que "desconhece a informação sobre a proibição da participação dos alunos dos colégios militares na competição". A nota disse ainda que "a coordenação da Olimpíada não tem qualquer ingerência sobre as escolas".

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Mais do ACidade ON