Aguarde...

ACidadeON

Voltar

cotidiano

Jogo da Ponte termina com roubo, confusão e um homem ferido

Um jovem foi preso por roubar um celular; houve um confronto com a PM na sequência e um homem ficou ferido

| ACidadeON Campinas

Confusão ocorreu após o término da partida (Foto: Reprodução/Rede Social) 

Um torcedor da Ponte Preta, de 18 anos, foi preso, durante o jogo com o Palmeiras, por ter roubado um celular a agredido seu dono, na noite de sábado (8). O caso foi encaminhado ao plantão do 1º DP (Distrito Policial).

Por conta da prisão, outros integrantes da torcida passaram a arremessar pedras e outros objetos nos policiais que já embarcavam para deixar o estádio e numa equipe de escolta. Leia mais abaixo.

Segundo o Baep (Batalhão de Ações Especiais da Polícia), a vítima procurou os policiais e contou que torcedores da Ponte Preta se aproximaram e o agrediram, roubando seu aparelho celular na sequência.

Policiais civis que trabalhavam no evento identificaram através das câmeras do estádio o possível autor, que foi visualizado ao término do evento na praça defronte ao estádio.

Na tentativa de abordagem, o suspeito correu, sendo acompanhado e detido pelos policiais militares. Ele confessou ter agredido a vítima, informando que o celular estaria em posse de sua namorada.

CONFUSÃO


Após a prisão, segundo o Baep, integrante de torcida organizada arremessaram pedras e objetos contra os policias.

A polícia, então, respondeu com bombas e bala de borracha. "Mesmo assim, um pequeno grupo de pessoas desobedeceu as ordens para afastamento do local e desacatou os policiais presentes, fato motivador para o uso progressivo de força moderada", disse a nota do Baep.

Por conta do confronto, um homem ficou ferido, foi socorrido ao Hospital Municipal Doutor Mário Gatti, onde foi atendido e liberado.

Mais do ACidade ON