Aguarde...

cotidiano

Segundona: IMA quer ser celeiro de "unicórnios"

Fernando Garnero fala sobre incubadora de empresas de tecnologia em entrevista ao ACidade ON

| ACidadeON Campinas

Fernando Garnero, presidente da IMA, durante entrevista ao Segundona (Foto: Renan Lopes/ACidade ON Campinas)

O Segundona programa de entrevista do ACidade ON conversou com o presidente da IMA (Informática de Municípios Associados), de Campinas, Fernando Garnero, que falou um pouco sobre as ações da empresa de tecnologia para este ano.  

Segundo Garnero, a intenção é encerrar este ano transformando a empresa em um "berçário de unicórnios" - o termo é usado para definir empresas de tecnologia que valem mais de US$ 1 bilhão.  

No Brasil, são exemplos de unicórnios a 99 Taxi, Nubank, PagSeguro e a Movile, que controla do iFood. Este último, aliás, nasceu em Campinas, na Ciatec - que recentemente foi incorporada pela IMA.  

"Esse papel de incubadora era da Ciatec, e com a incorporação da IMA a gente assumiu isso. Nossa meta é se tornar um berçário de unicórnios, a exemplo do que aconteceu com o iFood, que foi incubada na Ciatec", disse Garnero.  

Ele explica que a incubação segue o mesmo conceito empregado em maternidades. "O bebê quando nasce e ainda precisa se desenvolver vai para uma incubadora. É a mesma coisa com empresas. A gente cuida e dá o que ela precisa para crescer", comparou.  
A IMA está com inscrições abertas para empresas interessadas em incubar seus projetos (veja aqui)
  
Na entrevista, Garnero também falou sobre os projetos desenvolvidos na IMA, como o wi-fi grátis em locais públicos e a ligação de serviços da Prefeitura por fibra ótica, e as metas da empresa pública até o fim deste ano, quando acaba a gestão do prefeito Jonas Donizette (PSB).   

Confira:
 

Mais do ACidade ON