Aguarde...

cotidiano

Agências do INSS reabrem na próxima segunda após 6 meses fechadas

O órgão afirma que, por enquanto, o horário de funcionamento dos postos será reduzido, das 7h às 13h

| Folhapress

Fila em frente a uma das unidades de Campinas antes da pandemia. (Foto: Código 19/Arquivo)

As agências do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) vão reabrir na próxima segunda-feira (14), mas o atendimento será exclusivo para quem fizer agendamento. Para marcar hora, o segurado deve acessar o site Meu INSS e aplicativo ou ligar no 135. Clique aqui.

Segundo o INSS, estarão disponíveis para atendimento presencial os serviços de perícia médica, avaliação social, cumprimento de exigência, justificação administrativa e reabilitação profissional. O órgão afirma que, por enquanto, o horário de funcionamento dos postos será reduzido, das 7h às 13h.

O instituto ressalta que os segurados sem agendamento não serão atendidos, para evitar aglomerações dentro e fora das agências, de acordo com orientações do Ministério da Saúde.

Em agosto, a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia e do INSS informaram a nova data de retorno ao atendimento presencial - 14 de setembro.

O atendimento exclusivo por meio de canais remotos segue até amanhã (11). E mesmo com a abertura das agências, o atendimento remoto continuará a ser oferecido.

Segundo o INSS, a reabertura será gradual e considerará as especificidades de cada uma das Agências da Previdência Social no país. Cada unidade deverá avaliar o perfil do quadro de servidores e contratados, o volume de atendimentos realizados, a organização do espaço físico, as medidas de limpeza e os equipamentos de proteção individual e coletiva. 
 
O INSS diz ainda que, como forma de prevenção à covid-19, providenciou materiais de segurança e higiene, tais como equipamentos de proteção individual (luvas, máscaras, escudos faciais, aventais e toucas), álcool em gel, lixeiras com tampa e pedais (para que não haja contato com materiais descartados) e barreiras de acrílico nos guichês de atendimento.  

Protocolos como medição de temperatura na entrada das agências e intensificação da limpeza dos ambientes também foram adotados.  

"As agências que reabrirão seguirão todos os protocolos de distanciamento, com a devida sinalização nos pisos e demais orientações. Em cartazes, constarão todos os protocolos de segurança e a sinalização por cor em cada área das agências, alertando segurados e servidores de que, naqueles locais, é obrigatório o uso de determinados equipamentos de proteção", afirma o órgão, que diz que também adotou a medição de temperatura obrigatório na entrada.  

As tentativas de retomada do atendimento presencial, que foi suspenso devido à pandemia da covid-19, já vinham se arrastando há meses. Em meio a resistência e ameaças de greve por parte dos servidores da Previdência, a reabertura chegou a ser adiada sete vezes. Representantes da categoria queixavam-se da falta de segurança e higiene nos postos.  (Com informações da Folhapress e Agência Brasil)

Mais do ACidade ON