Publicidade

cotidiano

Hospital Municipal de Americana retoma cirurgias eletivas após 5 anos

Segundo a Saúde, são 951 cirurgias represadas na cidade

| ACidadeON Campinas -

 

Fachada do Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi (Foto: Prefeitura de Americana)

 
O Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi, de Americana, retoma nesta quinta-feira (19) as cirurgias eletivas, após cinco anos de suspensão.

A retomada, segundo a Administração, foi viabilizada após entrega do novo setor destinado a pacientes em pós-operatório. O espaço contabiliza 13 leitos, além de um posto de enfermagem. 

As obras iniciaram em 2017 e, de acordo com a Prefeitura de Americana, sofreram atraso por conta da pandemia da covid-19. A retomada das cirurgias começa hoje com a realização de cirurgias oncológicas de mama, explicou o Executivo.

Segundo dados atualizados da Secretaria de Saúde, são 951 cirurgias represadas em Americana:

As principais cirurgias são as seguintes:


- Cirurgia Geral: 232 

- Pediátrica: 332 

- Ortopédica: 149 

- Ginecológica: 159 

- Otorrinolaringologia: 50 

- Buco-maxilo: 5 

- Cirurgia plástica: 5 

- Cirurgia de cabeça e pescoço: 19


A expectativa da secretaria de Saúde é que o hospital realize pelo menos 50 procedimentos no primeiro mês, mas que depois amplie a capacidade para 200 cirurgias eletivas por mês para tentar diminuir a fila.

MUTIRÕES
 

Para o secretário de Saúde, Danilo Carvalho Oliveira, a possibilidade de o município retomar as cirurgias eletivas é um passo muito importante, o que vai permitir, inclusive, a realização de mutirões para dar vazão à fila de espera pelos procedimentos cirúrgicos. 

"Hoje é um dia memorável para o município de Americana, principalmente para a secretaria Municipal de Saúde. Nós estamos entregando 13 leitos que vão possibilitar o retorno de cirurgias eletivas. Cirurgias essas que há cinco anos não eram feitas", disse Danilo. 

O secretário afirmou ainda que a partir desta semana o Hospital Municipal começa a realizar as cirurgias eletivas, e que nos próximos finais de semana serão realizados mutirões. 

"A gente começa, quinta e sexta, sete pessoas farão cirurgias oncológicas de mama. Com isso também iniciaremos os mutirões de cirurgias, onde no sábado teremos dez cirurgias de laqueadura; no próximo final de semana a gente vai ter dez cirurgias gerais de hérnia e nos próximos quatro finais de semana a gente vai ter mutirões de cirurgias eletivas", esclareceu.

Publicidade