ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Megaoperação nacional contra pedofilia faz ações na região de Campinas

Na região de Campinas materiais foram apreendidos e duas pessoas foram levadas para averiguação

| ACidadeON/Campinas

Suspeito levado para prestar depoimento à delegacia. Foto: Denny Césare/Código 19

O Ministério Extraordinário da Segurança Pública deflagrou na manhã desta quinta-feira (17) a Operação Luz na Infância 2, em parceria com as Polícias Civis do Distrito Federal e de 24 Estados. Ao todo, a operação cumpre 579 mandados de busca e apreensão. De acordo com a pasta, 100 pessoas haviam sido presas até a publicação desta matéria.   

Na região de Campinas materiais foram apreendidos e levados para averiguação a sede do  SHPP (Setor de Homicídios e Proteção a Pessoa). Há dois mandados de apreensão de duas pessoas na região. Uma delas estava em Paulínia e já foi encaminhada a SHPP e um outro, que seria um ex-policial que mora no distrito de Sousas e que ainda será encaminhado para a delegacia.

Embora não haja mandados de prisão, o ministério informou que, durante as buscas, policiais identificaram imagens que configuram os crime de exploração sexual contra crianças e adolescentes e, nestes casos, os responsáveis são presos em flagrante.

Os alvos foram identificados pela Diretoria de Inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública, com base em indícios coletados em ambientes virtuais.

As informações obtidas durante quatro meses foram repassadas às Polícias Civis - em especial delegacias de proteção à criança e ao adolescente, e repressão a crimes informáticos - que instauraram inquéritos e solicitaram aos juízes locais a expedição dos mandados. 


Veja também