Aguarde...

cotidiano

Professores de esportes denunciam falta de protocolo para volta

Volta presencial será na próxima segunda-feira (26); servidores dizem que não foram informados de medida de segurança nem testagem

| ACidadeON Campinas

Praça de esporte de Campinas (Foto: Denny Cesare/Código19/Arquivo) 

 
Os professores da Secretaria Municipal de Esportes de Campinas estão questionando o protocolo para a volta presencial das atividades, prevista para a próxima segunda-feira (26). De acordo com o grupo, a pasta não informou se haverá testagem de covid-19 para o retorno programado e também faltam equipamentos de segurança.

Em nota oficial, a Prefeitura de Campinas disse que fez uma reunião virtual com todos os 26 servidores para tratar sobre a retomada presencial (leia nota completa abaixo).

Os professores disseram que estão preocupados com a volta presencial e de que forma ela será feita. As aulas presenciais na rede pública, por exemplo, só serão retomadas em 2021. Já as escolas particulares tiveram permissão do governo municipal para retomar as atividades, com limite de alunos e distanciamento social. Essa volta, ainda, é facultativa.

Além disso, a cidade continua a registrar óbitos de covid-19 diariamente e está hoje com 1.303 óbitos. "Me preocupa algumas coisas. Primeiro, a saúde das crianças. É sabido que as crianças não se preocupam muito com a pandemia e seus efeitos. A percepção de perigo deles é muito pequena. São crianças que moram em comunidades muito carentes e algumas praças de esporte estão em regiões que tem muitos casos confirmados. Onde o vírus ainda está circulando", disse um professor que pediu para não ser identificado.

Ainda segundo ele, faltam medidas de segurança, como equipamentos de proteção. "Enfim dá medo. Por eles, por quem trabalha nas praças e por mim. O único equipamento de segurança que foi enviado para as praças foi um totem de álcool em gel e um litro de álcool", afirmou.

"Se quisermos algo a mais, como por exemplo álcool para limpar os equipamentos de ginástica, a informação que foi passada é para conversar com os alunos", completou ele.

A PREFEITURA

A Prefeitura se pronunciou por meio de nota e além de informar sobre a reunião virtual, disse que a "Secretaria de Esportes e Lazer tem realizado, desde o início da pandemia, as atividades de forma virtual".

A pasta disse ainda que "a retomada das aulas presenciais nas praças de esportes da cidade será feita, a partir do dia 26, de forma gradual, planejada e seguindo todos os protocolos sanitários, com adaptação das aulas com distanciamento entre os alunos e entre alunos e professores, uso obrigatório de máscara e demais adequações que sejam necessárias".

Além disso, "os professores também terão a opção de realizarem aulas híbridas, com um grupo presencial pequeno e um maior em atividade virtual" e "os alunos que forem participar das atividades presenciais terão que preencher um termo de responsabilidade, dando ciência das medidas sanitárias que deverão ser cumpridas".

A Prefeitura disse também que há a orientação, ainda, para que não participem de atividades, caso apresentem algum sintoma de covid-19 e também que cada um leve seu material esportivo, como toalha e colchonete e o próprio kit de higiene pessoal.

"A Secretaria de Esportes e Lazer vai disponibilizar totens de álcool gel em todas as praças de esportes, além de alguns recipientes com álcool líquido em lugares específicos. Também haverá álcool gel para os funcionários e professores".

Por fim, a Prefeitura disse que "o protocolo de retomada está baseado no Compromisso PMC e nas orientações quanto a cuidados já pactuadas com a SMEL. O Caderno 1 Intersetorial e de ambientes é aplicável a todos os setores e o caderno 10, com orientações específicas para a área de esportes, está sendo atualizado para a Fase Verde e deve ser republicado nesta sexta-feira, 23".

Com relação a testagem, a Administração disse que qualquer situação de necessidade será avaliada especificamente, conforme protocolo do Ministério da Saúde.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON